Terça-Feira, 30 de Novembro de 2021

Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
Sorocaba 

buscar

<< CULTURA ‘Novas estações’ retorna para nova temporada na Estação ‘Paula Souza’

Publicada em 11/11/2021 às 23:00
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR
(Foto: Divulgação)
O espetáculo teatral ‘Novas estações’, uma viagem nos mecanismos da memória, através de encontros e desencontros de um casal que se conhece numa viagem de trem e que estreou no início de setembro, recriação de montagem anterior intitulada simplesmente ‘Estações’, retorna agora para nova temporada, que começa neste sábado (13) e vai até 18 de dezembro, com sessões sempre às 20 horas, aos sábados, domingos e segundas-feiras, em vagão de trem garageado junto à histórica Estação ‘Paula Souza’, de onde no passado partiam as composições férreas de passageiros com destino a Votorantim, à rua Dr. Paula Souza, 420, no Centro. Os ingressos são gratuitos, distribuídos com meia-hora de antecedência. Obrigatória a apresentação de certificado de vacinação contra a Covid-19 e ouso de máscaras.
 
Produção do Grupo Manto Companhia de Teatro, ‘Novas estações’ aborda, assim, a memória e os diferentes pontos de vista sobre uma mesma situação. De maneira narrativa, um casal tenta recuperar e entender o ciclo de seu relacionamento amoroso em relação às quatro estações: Primavera, Verão, Outono e Inverno. Reconhecendo a veracidade das lembranças do outro, ainda que diferentes de suas próprias, cada um se deparará novamente com as situações vividas, mas, agora, pelos olhos do outro. Ao descrever com dois pontos de vista os eventos que os levaram a se encontrar, se envolver, se desgastar e, por fim, romper, o casal vai criando para o espectador um painel das diferentes formas de ver e viver uma mesma situação. 
 
Como uma forma de re-elaborar uma situação bastante familiar ao espectador, escolheu-se uma relação amorosa, tão visitada em diversas formas artísticas ao longo de toda história, na tentativa de traduzir esse olhar caleidoscópico e as estações como sinais inegáveis do tempo. Um tempo cíclico, com distintos humores. “O espetáculo acontece dentro de um trem de passageiros, na tradicional Estação ‘Paula Souza’, onde os passageiros poderão ‘embarcar’ nessa viagem amorosa de encontros e desencontros, junto com o nosso Grupo”, como destaca o teatrólogo Rodolfo Amorim, diretor artístico e dramaturgo do Manto Companhia de Teatro. Com ele estão Eli André Corrêa, diretor de ator e encenador; Clara Nolasco, musicista e responsável pela trilha sonora original; a atriz Patrícia Nolasco contracenando com o ator Valter Chanes; Luciano Leite, produtor; Angeles Toral, assistente de produção, e Felipe Santos da Cruz, figurinista e cenógrafo.
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar