Segunda-Feira, 29 de Novembro de 2021

Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
Sorocaba 

buscar

<< POLÍCIA Novo comandante do CPI-7 é de Porto Feliz

Publicada em 26/08/2021 às 20:42
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR
O coronel PM Edson Luís da Silva Simeira tem raízes na vizinha Porto Feliz (Foto: Divulgação)
O coronel PM Edson Luís da Silva Simeira, natural da vizinha cidade de Porto Feliz, será o novo titular do CPI-7, o Comando de Policiamento do Interior 7, da Polícia Militar do Estado, com sede em Sorocaba e jurisdição sobre 78 municípios da região, divididos por sete batalhões, incluindo o sediado em nossa cidade, o 7º BPM. Ele assume em substituição ao coronel PM Aleksander Lacerda, afastado na segunda-feira (23) por indisciplina pelo comandante geral da Polícia Militar do Estado de São Paulo, coronel PM Fernando Alencar Medeiros, por determinação expressa do governador João Doria, após fazer postagens em uma rede social atacando o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal (STF) e convocando amigos e seguidores para as manifestações bolsonaristas programadas para o feriado de 7 de Setembro, 199º aniversário da proclamação da Independência do Brasil, em Brasília e São Paulo. Foi transferido para São Paulo, como comandante de Policiamento da Capital (CPC), cargo até então ocupado pelo coronel PM Marcos de Paula Barreto, promovido para titular do Comando de Policiamento de Área Metropolitana 11/CPA/M-11, antes ocupado pelo coronel Edson Simeira.
 
O NOVO COMANDANTE DO CPI-7 – O coronel PM Edson Luís da Silva Simeira tem 49 anos de idade e atua como policial militar desde 1990. Foi promovido a coronel da Polícia Militar em fevereiro de 2020. Possui pós-graduação em Direito Público e Direito do Estado pela Faculdade de Direito de Itu e doutorado em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública pelo Curso Superior de Polícia (CSP).
 
Seu pai, o coronel Edison Vander Acuio Simeira, também comandou o CPI-7 nos anos 90. Dentre os muitos cargos que já ocupou anteriormente, inclusive na região de Sorocaba, o coronel Edson Simeira já foi chefe das divisões Operacional, de Recursos Humanos e de Finanças e Logística do próprio CPI-7 e subcomandante do 50º BPM/I, sediado na vizinha cidade de Itu, além de cargos de direção junto ao Presídio Militar ‘Romão Gomes’, em São Paulo.
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar