Quinta-Feira, 6 de Maio de 2021

Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
Sorocaba 

buscar

<< INTERNACIONAL Trump contesta resultados e pede paralisação da apuração Joe Biden adota tom cauteloso e diz que é preciso esperar; cidades americanas têm protestos

Publicada em 05/11/2020 às 21:07
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR
O presidente dos Estados Unidos e candidato à reeleição, Donald Trump, disse ontem que vai acionar a Justiça para contestar os resultados em parte dos Estados em que seu adversário, Joe Biden, conquistou a maioria dos votos. 

“Todos os recentes Estados reivindicados por Biden serão legalmente contestados por nós por fraude eleitoral e fraude eleitoral estadual”, escreveu o presidente sem especificar a que Estados se referia. 

“Nós ganharemos!”, acrescentou Trump. Para ser reeleito, no entanto, o republicano precisa vencer em pelo menos cinco Estados em que a disputa até ontem à tarde não estava definida. 

PEDIDO – Ontem pela manhã, Trump postou em seu perfil no Twitter uma mensagem defendendo a paralisação da contagem dos votos da eleição. A declaração foi dada minutos após seu concorrente ter postado um vídeo pedindo que todo voto seja contado. 
A campanha de Trump tenta judicializar a corrida presidencial e entrou com ações para suspender a apuração dos votos em Michigan e na Pensilvânia. Também afirmou que pediria recontagem em Wisconsin e abriu outro processo para questionamentos. 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar