Quinta-Feira, 13 de Dezembro de 2018 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

Responsabilidade que é de todos

Publicada em 12/10/2018 às 01:12
Compartilhe:

Nesta altura dos acontecimentos, com o processo eleitoral caminhando para o seu encerramento no dia 28 deste mês, nunca é demais lembrar que as eleições são uma luta que envolve partidos, candidatos e milhões de pessoas que vão às urnas para escolher de maneira livre e soberana aqueles que vão ocupar cargos políticos e administrativos, consolidando, dessa maneira, o sistema democrático de um país. Neste momento, a exemplo do que ocorreu no primeiro turno das eleições no Brasil, a polarização continua com dois dos candidatos - Jair Bolsonaro e Fernando Haddad -, que seguem na luta para chegar ao Palácio do Planalto, sem se falar das disputas que ainda vão ocorrer para a definição dos governadores de vários Estados, como é o caso de São Paulo, entre João Doria e Márcio França. E não há como negar que a própria população brasileira  parece viver em ritmo de aflição e de correria para justificar a importância de um voto em seu candidato. 
Neste 12 de outubro, feriado em que se comemora o Dia de Nossa Senhora Aparecida e o Dia da Criança, é preciso lembrar aos governantes, candidatos e políticos em geral, como é fundamental investir nas crianças para que o Brasil possa ter um futuro promissor e administrado por pessoas realmente competentes, com espírito público e dignas dos votos que recebem de todo o eleitorado. Isto significa que, entre outros procedimentos, a nova gestão que iniciará suas atividades no dia 1º de janeiro de 2019 não deve deixar para depois os investimentos que são necessários no Ensino Fundamental, proporcionando melhores condições de trabalho para os professores, não só no que diz respeito a salários, mas, também, em sua capacitação. 
Ninguém ignora que pesará sobre os eleitos uma enorme responsabilidade, já que é uma Nação inteira que estará em suas mãos para ser administrada seriamente, com honestidade, boa vontade, perseverança e bom senso, ao contrário do que vem ocorrendo no Brasil neste século 21. Os desafios são incomensuráveis, sendo de suma importância que as projeções e expectativas ultrapassem os interesses individuais e partidários. Há que se ressaltar que o País conta com inestimáveis recursos privilegiados, mas que exigem uma política que coloque à frente de tudo a honestidade e os princípios cristãos, além de um forte desejo de construir uma Nação saudável e fraterna para toda a população.
O grande objetivo dos governantes e da sociedade brasileira, com a proteção de Nossa Senhora Aparecida, deve ser trabalhar com responsabilidade e obstinação em favor das crianças, dos enfermos, da segurança pública, da criação de mais empregos no País. É preciso que todos trabalhem de maneira decisiva para evitar os desvios geradores de um clima de perversidade e desrespeito ao que é do outro. Com a participação de todos, o Brasil sempre terá jeito de ser melhor para todos os brasileiros.