Sexta-Feira, 5 de Março de 2021

Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
Sorocaba 

buscar

<< Prefeitura facilita inscrição em creches e abre atendimento na Casa do Cidadão do Paço hoje

Publicada em 14/01/2021 às 20:46
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR
A Prefeitura está reativando, nesta sexta-feira (15), o atendimento presencial na unidade da Casa do Cidadão no Paço, no Parque da Boa Vista, para auxiliar pais ou responsáveis na inscrição de vagas em creche, que termina justamente hoje, reabrindo-se depois somente em fevereiro. O horário para ser atendido é das 8h30 às 16h30. Devido à pandemia, como informou ontem o Paço, o atendimento presencial para tais inscrições havia sido suspenso no ano passado, com a Secretaria da Educação do Município disponibilizando o modelo de inscrição exclusivamente on-line, no site oficial da Pasta (educacao.sorocaba.sp.gov.br).
Para a próxima etapa das inscrições para creche, que acontecerá entre os dias 1º e 12 de fevereiro, todas as sete unidades da Casa do Cidadão retornarão com o atendimento presencial. O secretário da Educação da Prefeitura, Márcio Carrara, entende que é importante se ter mais de uma opção para realizar a inscrição, facilitando o processo. “Além do atendimento via Internet, a população pode contar com auxílio dos atendentes da Casa do Cidadão, o que facilita na conferência dos documentos e dos comprovantes, no caso das classificações prioritárias”, explicou.
 
DOCUMENTOS NECESSÁRIOS - Todas as crianças de 3 meses a 3 anos de idade têm direito à vaga em creche em Sorocaba e ninguém fica sem inscrição, conforme decreto de 18 de novembro, de 2019. Se uma inscrição for indeferida, isso será informado ao interessado com o devido ajuste, para que seja corrigida e reenviada, segundo o Paço.
Os documentos necessários para a realização da inscrição são certidão de nascimento da criança, documentos dos pais com foto e que conste o número do CPF e comprovante de residência no Município em nome dos pais ou responsáveis atualizado, no máximo dos últimos três meses. No caso de situações específicas de classificação de crianças deficientes, situação de extrema vulnerabilidade ou responsáveis que trabalhem, os documentos necessários são também laudo médico, comprovante judicial de guarda e documento que comprove participação no Cadastro Único.
Para se enquadrar na lista de responsável trabalhador, é preciso apresentar a foto da carteira de trabalho com a página de registro. No caso do autônomo, é necessário levar comprovante atual do INSS. Já no caso de microempreendedor individual (MEI), deve-se apresentar o comprovante de microempresário ou declaração de trabalho do empregador, informando o tipo de atividade realizada, renda e carga horária semanal, assinada por duas testemunhas.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar