Segunda-Feira, 30 de Novembro de 2020

Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
Sorocaba 

buscar

<< ECONOMIA Décimo-terceiro deve injetar R$ 208 bilhões O montante é 5,4% inferior ao registro em 2019, diz CNC

Publicada em 29/10/2020 às 21:24
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR
O montante é 5,4% inferior ao registrado em 2019, diz CNC (Foto: Agência Brasil)
O pagamento do décimo-terceiro salário aos trabalhadores brasileiros deve injetar R$ 208 bilhões na economia brasileira neste ano. Em valores reais, o montante é 5,4% inferior ao registrado em 2019, de acordo com estimativa da CNC, divulgada nesta quinta-feira (29).  

A queda de 5,4% é a maior retração anual desde o início do acompanhamento feito pela CNC, em 2012. Um dos motivos para a queda é a Medida Provisória 936 deste ano, que autorizou a redução do salário e a suspensão temporária do contrato de trabalho. 

A CNC cita dados do Ministério da Economia que mostram que, entre abril e agosto, foram firmados 16,1 milhões de acordos entre patrões e empregados no âmbito da MP 936, sendo 7,2 milhões de suspensão do contrato de trabalho e 3,5 milhões de redução de 70% da jornada.

Segundo a CNC, o vencimento médio pago em 2020 (R$ 2.192,71) terá um recuo de 6,6% em comparação ao valor de 2019 (R$ 2.347,55). O presidente da CNC, José Roberto Tadros, atribui a queda do montante do décimo-terceiro ao recuo expressivo da atividade econômica e do avanço da informalidade.

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar