Quinta-Feira, 29 de Outubro de 2020

Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
Sorocaba 

buscar

<< EDITORIAL O maestro da educação

Publicada em 14/10/2020 às 20:39
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR
Todas as homenagens que säo prestadas aos professores neste dia devem ser vistas como sendo de maneira correta e exemplar por tudo aquilo que eles representam para o País. Por isso mesmo, o resgate do prestígio e do respeito  da carreira do magistério deve ser sempre o primeiro e mais importante passo para uma significativa melhoria no defasado e combalido sistema educacional brasileiro, notadamente ao longo deste ano, quando a pandemia do novo Coronavírus atrapalhou de todas as formas a vida dos professores, dos alunos, dos seus familiares e de toda a comunidade escolar. Recuperar o terreno perdido não vai ser uma tarefa fácil em 2021. 

Ninguém ignora que a desvalorização da figura do professor é o principal entrave para que os mais talentosos alunos abracem como se deve a sublime missão de legar tudo de melhor às gerações futuras. Na verdade, diante do que ocorre de pior na area educacional do Brasil, sempre que se pergunta aos adolescentes e jovens quem gostaria de ser professor, infelizmente, via de regra, säo poucas as respostas positivas que são obtidas. Pesquisas abordando esse tema já mostraram que apenas 2% de 1.500 alunos entrevistados manifestaram a vontade de ser professor.  
"Considerando-se o preparo que a escola representa para todas as pessoas, não há sociedade que se sustente sem o seu aprimoramento permanente"

Para qualquer Nação que precisa correr cada vez mais em busca de seu desenvolvimento, não deixa de ser extremamente doloroso saber que a maioria dos alunos não pretende abraçar o magistério, ignorando toda a sua importância, que deve ser compartilhada pelos governantes, pelos professores, pelos alunos e seus pais. Todo mundo deve entender que o jardim florido de uma estrutura educacional é a sala de aula, onde todos convivem diariamente com o futuro do País, ao contrário do que acontece neste ano em razão da pandemia da Covid-19. Tendo em vista que a escola sempre foi e continuará sendo uma etapa das mais relevantes para a formação da juventude, os governantes e a própria sociedade deveriam se preocupar muito mais com a recuperação de tudo aquilo que tem a ver com esse tema. Todo mundo deve ter plena consciência de que o professor é o verdadeiro maestro da escola. Famílias e alunos de bem não podem se omitir com relação a tudo, pois, a partir daí, o que se constata são posições antagônicas, com professores e gestores numa ponta e, na outra, alunos indisciplinados e agressivos, além de pais permissíveis. Considerando-se o preparo que a escola representa para todas as pessoas, seja no que diz respeito aos ensinamentos ou na formação do caráter de todos, não há sociedade que se sustente sem o seu aprimoramento permanente.

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar