Sexta-Feira, 18 de Setembro de 2020

Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
Sorocaba 

buscar

<< POLÍTICA Câmara fecha até o fim do mês, após vereadores testarem positivo para Covid-19 Martinez está internado num hospital em São Paulo e Manga cumpre isolamento social em casa

Publicada em 18/08/2020 às 21:29
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR
AI/CMS
A Mesa Diretora do Legislativo sorocabano iniciou a semana deliberando suspender por quinze dias, até 31 de agosto, todas as suas atividades presenciais, depois que no final de semana ficou confirmado que, pelo menos, dois de seus atuais vinte vereadores – o engenheiro José Francisco Martinez (PSDB) e Rodrigo Manga (Republicano) - tiveram diagnóstico confirmado para o novo coronavírus. Conforme explicou o presidente da Casa, Fernando Dini (MDB), a decisão foi tomada logo na manhã de segunda-feira (17), como medida de prevenção para evitar novos focos de proliferação de Covid-19. A Câmara Municipal está fechada e suas sessões suspensas nesse período. Cada setor administrativo da Casa tem apenas um servidor de plantão, das 8 às 14 horas, de segunda à sexta-feira.
 
Martinez teria passado mal já durante a última sessão legislativa na manhã de quinta-feira (13), testando posteriormente positivo para Covid-19 no final de semana, sendo internado em um leito de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de um hospital privado da Capital, por decisão de seus dois filhos que são médicos e trabalham em São Paulo. A informação da assessoria do parlamentar, no final da tarde desta terça-feira (19), era de que ele passara a noite sob atendimento médico, recebendo medicação, e seu quadro clínico estável, sem entubação.
 
Já o vereador Rodrigo Manga, que se apresenta como pré-candidato a prefeito nas eleições de 15 de novembro pelo PR (Partido Republicano), igualmente testou positivo para Covid-19, a partir de sintomas leves da doença que percebeu em seu corpo também na quinta-feira (13), à tarde, apresentando leve falta de ar, uma das principais manifestações da doença. Decidiu realizar o teste no mesmo dia, com o resultado positivando as desconfianças sendo conhecido na segunda-feira (17). Porém, desde as primeiras manifestações já vinha cumprindo completo isolamento social no próprio apartamento em que reside, no Centro, suspendendo, inclusive, qualquer agenda externa. “Estou me sentindo bem e, por isto mesmo, vou continuar cumprindo com meus compromissos, mas de forma remota e seguindo todas as orientações médicas. Reforço o recado para que a população se mantenha firme com as medidas de precaução, respeitando o distanciamento social e usando máscara e álcool em gel”, comentou ele em contato com a imprensa. Seu quadro clínico é estável e ontem contou, inclusive, que está fazendo tratamento com o uso da hidroxicloroquina, seguindo orientação de médicos.
 
TESTAGEM – Boa parte dos vereadores, por outro lado, manifestou nos últimos dias disposição de também realizar testagem para Covid-19, diante dos últimos acontecimentos registrados no âmbito do Legislativo, que havia retomado na semana anterior suas sessões presenciais, suspensas desde o final do mês de março, quando do início da pandemia. Alguns, porém, entendem não haver momentaneamente tal necessidade, enquanto sintomas típicos não sejam registrados,
 
Uma outra informação que circula é de que assessores diretos e outras pessoas que tiveram contato com Martinez estão procurando pela testagem para saber de sua situação física. A Câmara Municipal também estaria com processo de contratação de testes de Covid-19 em andamento para os seus cerca de 200 funcionários até a próxima sexta-feira (21).

 

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar