Segunda-Feira, 30 de Novembro de 2020

Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
Sorocaba 

buscar

<< REGIÃO Força-tarefa inicia trabalho de limpeza das áreas afetadas pela enchente em Salto O Rio Tietê registra vazão de 600 m³

Publicada em 13/02/2020 às 00:27
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR
A Prefeitura ainda avalia os danos causados nas enchentes (Foto: Divulgação)
A Prefeitura de Salto iniciou nesta quarta-feira (12) os primeiros trabalhos de limpeza, após as enchentes que atingiram a cidade nesta semana. As equipes da Defesa Civil, Secretaria da Defesa Social e do Meio Ambiente fizeram uma força-tarefa para dar início à limpeza dos locais afetados pelas cheias.
 
As sedes da Guarda Civil Municipal, da Polícia Militar, do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), começaram os trabalhos de limpeza; assim como nas ruas Rui Barbosa x Rua Bruxelas, Rua Fagundes Varela, Avenida Vicente Scivitaro, Rua Marechal Rondon, ponte do Rio Jundiaí.
 
Os bairros mais atingidos foram: Jd Sevilha, Vila da Barra, Jd. Três Marias, bairro Estação e região central. A Defesa Civil realiza o levantamento da quantidade de casas e comércios atingidos pelas cheias. As equipes da Secretaria de Obras e Serviço Públicos atendem as áreas de estrada de terra, com manutenção, especialmente na manutenção nas estradas do Jd. Buru.
 
A Prefeitura ainda avalia os danos causados nas enchentes, especialmente no Complexo da Cachoeira. A Ilha dos Amores e o Memorial do Rio Tietê foram bastante danificados pela força das águas.
 
O Parque das Lavras e o Parque do Lago seguem interditados até o recuo total das águas e limpeza dos espaços. O Complexo da Cachoeira que abrange a Ilha dos Amores, Memorial do Tietê, Ponte Pênsil, Caminho das Esculturas e Parque Natural Ilha da Usina também, segue interditado por questões de segurança.
 
No momento há cinco pontos de alagamento Avenida Castro Alves, trecho final da Rua 24 de Outubro, Parque do Lago, Parque das Lavras e Complexo da Cachoeira. O Rio Tietê registra vazão de 600 m³ no momento.
 
As duas famílias desalojadas, já retornaram às suas casas na tarde desta quarta-feira (12).
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar