Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< ‘Maria Invisível’ é a primeira estreia do ano

Publicada em 02/01/2020 às 19:39
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)

Com texto que surgiu após o teatrólogo sorocabano Mário Persico ouvir a música homônima de autoria da compositora, musicista e cantora Paula Cavalciuk, também sorocabana, “Maria Invisível” é a primeira montagem do ano a estrear no circuito teatral local. A apresentação inaugural será neste sábado (4), às 20 horas, no palco do Teatro-Escola Mário Persico, situado à rua da Penha, 823, no Centro.

A música de Paula Cavalciuk satiriza a forma como a elite brasileira se enxerga como superior e conta a história de uma empregada doméstica que trabalha para uma rica família. “Maria Invisível” possui esse segundo nome devido a seus gostos, escolhas e necessidades serem julgadas como inexistentes, diante do trabalho e de seus patrões. “A música relata que a empregada é obrigada a lidar com o autoritarismo e a falta de bom senso dos patrões. A letra tem uma ironia cruel pela forma como retrata esse universo das empregadas domesticas, tão próximas e tão distantes”, antecipa Mário Persico que, além do texto, assina a direção e dramaturgia do espetáculo.

Os ingressos custam R$ 20,00 e R$ 10,00 (meia-entrada).

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar