Sexta-Feira, 19 de Abril de 2019 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< Estudo aponta trânsito 70% maior em ‘horários de pico’

Publicada em 29/03/2019 às 12:32
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Os dez principais corredores de tráfego de Sorocaba absorvem juntos o fluxo variável de mais de 247 mil passagens de veículos a cada novo dia útil aponta levantamento divulgado nesta quinta-feira (28) pela Urbes – Trânsito e Transportes, empresa pública vinculada à Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade da Prefeitura. Nos chamados ‘horários de pico’, o volume de veículos em circulação nessas avenidas aumenta em 70%. “Cabe à Urbes, com os seus profissionais e infraestrutura em equipamentos, a orientação, educação e fiscalização para garantir a melhor fluidez possível”, enfatizou o prefeito José Crespo ao receber os estudos.
O secretário municipal de Mobilidade e Acessibilidade, Luiz Alberto Fioravante, orienta a quem tem a oportunidade sempre optar pela circulação fora dos ‘horários de pico’. Os horários com mais veículos trafegando são das 6 às 9, das 11 às 14 e das 16 às 19 horas em dias úteis. “São carros, motos, caminhões, ônibus e bicicletas passando quase 300 milhares de vezes pelas principais vias de Sorocaba. Os celulares, as discussões e outros hábitos que causam distrações ao volante não podem ter vez. As leis de trânsito precisam ser respeitadas”, enfatiza o secretário Luiz Alberto Fioravante.
O levantamento do fluxo variável é feito por radares inteligentes que contam cada vez que qualquer veículo passa. Os principais corredores da região central são as avenidas Dom Aguirre (40 mil/dia) e Dr. Afonso Vergueiro (22 mil/dia). Na Zona Norte, as avenidas Itavuvu (23 mil/dia), Ulysses Guimarães (11 mil/dia), General Osório (20 mil/dia) e Ipanema; na Zona Leste, as avenidas São Paulo (22 mil/dia) e Engenheiro Carlos Reinaldo Mendes (35 mil/dia); e na Zona Sul, Washington Luiz e Antônio Carlos Cômitre (32 mil/dia). Na Zona Oeste, destacam-se as avenidas General Carneiro (26 mil/dia) e Santa Cruz (16 mil/dia).
 
AVENIDA DOM AGUIRRE LIDERA - Apenas na avenida Dom Aguirre, que margeia o rio Sorocaba, são 40 mil passagens (fluxo variável) de veículos a cada 24 horas. Além dos emplacados na cidade, trafegam por esse corredor aqueles que passam por Sorocaba apenas para se deslocar de um município a outro da região ou que buscam algum serviço na sede da Região Metropolitana. “Cada carro é conduzido conforme a responsabilidade, experiência e os costumes de trânsito individual do seu motorista. Por isso, a importância da Urbes para uniformizar o comportamento por meio dos ‘amarelinhos’ e o uso das tecnologias do videomonitoramento, radares e semáforos inteligentes”, explica o diretor de Trânsito da Urbes, Carlos Eduardo Paschoini.
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar