Segunda-Feira, 18 de Fevereiro de 2019 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< SOROCABA Município decreta luto oficial de três dias Funcionário do Saae morre soterrado enquanto trabalhava

Publicada em 18/01/2019 às 22:54
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)

O prefeito José Crespo decretou luto oficial de três dias e lamentou a morte do funcionário do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae), Carlos Eduardo Ribeiro, 37 anos, dos quais sete foram como colaborador da autarquia, atuando na função de agente de apoio de saneamento. Ribeiro foi vítima de um acidente na manhã desta sexta-feira (18), enquanto trabalhava em um serviço de manutenção no Jardim São Guilherme, na zona norte. Outro servidor, Joel Moreira, de 34, que também estava no local no momento do acidente, foi socorrido e levado pelo Samu ao Conjunto Hospitalar de Sorocaba (CHS) com escoriações na perna. Em respeito à memória do servidor público, a Câmara Municipal colocou todas as bandeiras da Casa a meio mastro.

O acidente aconteceu durante a execução de serviços de manutenção da rede coletora de esgoto na Rua Tarcizo Geraldo Dario. Houve um deslizamento de terra no local. Todos os funcionários usavam os equipamentos de segurança necessários para esse tipo de serviço, como capacete, botas e luvas. De acordo com a Prefeitura, o local recebeu todas as intervenções de segurança necessárias em serviços desta natureza, como escoramento da vala. “Por isso, as causas do acidente serão apuradas por engenheiros e técnicos do Saae. A Defesa Civil também esteve no local. A Polícia Militar e a Polícia Científica também estiveram no local do acidente”, comenta nota emitida pela Prefeitura.

O Saae informa, ainda, que tão logo houve o acidente, o Corpo de Bombeiros foi acionado, chegando ao local com quatro viaturas e duas unidades do Samu. Engenheiros e funcionários do Saae também auxiliaram nos trabalhos de socorro. O diretor-geral do Saae, Ronald Pereira da Silva, também acompanhou no local todo o trabalho de logo após a confirmação da morte do servidor. Por determinação do prefeito, o Saae deverá prestar todo o suporte necessário à família da vítima. Carlos Eduardo Ribeiro era casado com Kamila dos Santos Ribeiro e deixa quatro filhos.

 

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar