Quinta-Feira, 22 de Novembro de 2018 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< SOROCABA Deputados de Sorocaba reeleitos falam de esperanças em Bolsonaro Reformas, defesa da família e investimento na segurança lideram pedidos

Publicada em 29/10/2018 às 19:00
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)
Um dos desafios que o candidato eleito à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), terá pela frente é fortalecer apoio visando a aprovações de projetos. O DIÁRIO consultou os deputados estaduais e federais reeleitos em Sorocaba e, apesar de divergências nas ideias, todos apostam em mudanças no Brasil.
 
Para o deputado federal Vitor Lippi (PSDB), reeleito com 120.529 votos, Bolsonaro precisa conduzir o País com inteligência e diálogo. Segundo ele, houve um forte clamor popular em torno da candidatura do capitão reformado. “Agora, vamos cobrar para que as reformas estruturantes saiam do papel, como, por exemplo, a reforma tributária”, afirma.
 
Lippi ainda diz acreditar ser consenso geral da necessidade de maior investimento na segurança pública. “O Brasil tornou-se um dos países mais violentos do mundo, e é preciso que a Educação e a Saúde também tenham um grande espaço neste novo governo, que inicia o processo de transição já nesta semana.” 
 
O deputado federal Jefferson Campos (PSB), também reeleito com 99.974 votos, compartilha da mesma ideia da necessidade de reformas. “O País vai ter de buscar soluções para seus problemas. As reformas necessárias, como a tributária, a política, a da Previdência e outras mais se fazem necessárias”, ressalta.
 
Ele frisa ter acompanhado os debates que ocorreram, tanto de seus eleitores, quanto daqueles dos quais não recebeu votos, e percebeu o pedido de melhoria nos serviços públicos, como Saúde, Educação e geração de empregos. “O que o cidadão quer é viver em paz, prosperamente, ter seu trabalho e viver em um País tão abençoado.” 
 
Já a expectativa do deputado estadual Carlos Cezar (PSB), reeleito com 115.566 votos, é de que Bolsonaro mude o Brasil de verdade. “O povo está cansado da corrupção, da falta de segurança e da falta de investimento no que é seu, por direito. Vamos caminhar juntos com o governo federal, sempre seguindo os valores cristãos”, defende. 
 
Carlos Cezar destaca, ainda, que o Brasil precisa de líderes que defendam a família, a educação, a vida e, especialmente, a segurança do povo. “Sempre lutei contra a liberação das drogas e contra tantas leis que ferem os nossos princípios. Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”, reforça. 
 
A deputada estadual Maria Lúcia Amary (PSDB), reeleita com 70.743 votos, diz ter ficado claro nestas eleições uma população polarizada, com os da direita e da esquerda. “Esperamos que o novo presidente una o País de uma forma democrática. Além disso, seu papel será resgatar a ética, recompor o Brasil e retomar o crescimento”, pontua.
 
"O meu foco será redobrar o trabalho pela Região Metropolitana de Sorocaba. Reafirmo o compromisso de continuar trabalhando pelas principais necessidades da população, que são saúde, segurança, educação e o desenvolvimento sustentável da região”, promete a deputada sobre os próximos passos na Assembleia Legislativa. 
 
Já o deputado estadual, Agente Federal Danilo Balas (PSL), eleito com 38.661 votos, retornou ao trabalho na Polícia Federal no dia 8 deste mês. Por sua assessoria, ele encaminhou a seguinte nota: “Por se tratar de uma instituição que fiscaliza as eleições e que atua como polícia judiciária, o Agente Federal Danilo Balas, por questões legais e respeito à PF, não se posicionará no segundo turno das eleições para o governo de São Paulo. Sobre seu posicionamento ao presidente, seus eleitores poderão observar em sua página no Facebook”.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar