Sábado, 20 de Outubro de 2018 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< CULTURA Samba do Voluntário reúne mais de 100 artistas no Parque das Águas

Publicada em 21/09/2018 às 18:43
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)
Neste domingo (23), a partir do meio-dia, no Parque das Águas, no final da avenida Dom Aguirre, no Jardim Abaeté, acontecerá a primeira edição do projeto “Samba do Voluntário” em Sorocaba. Na cidade, está sendo organizado pelo Coletivo Samba Sorocaba, com o apoio da Secretaria de Cultura e Turismo da Prefeitura. 
 
O `Samba do Voluntário´ é um evento mundial de samba que visa arrecadar doações para ajudar instituições beneficentes e pessoas necessitadas, idealizado pelo cantor e compositor Leandro Lehart. “Serão mais de 500 rodas de samba acontecendo ao mesmo tempo espalhadas por 25 países e o samba sorocabano, que vem num crescente de fortalecimento, união e ações em coletivo, não poderia ficar de fora”, conta Flavinho Batucada, diretor geral do Coletivo e do Samba do Voluntário em Sorocaba. 
 
A roda de samba, que começará às 15 horas, reunirá dezenas de sambistas, amantes e simpatizantes do samba. Antes disso, o evento já contará com uma mostra de trabalhos realizados pelo Caps (Centro de Atenção Psicossocial), corte de cabelo e brinquedos para as crianças. Todas as atividades são gratuitas, mas para atingir o objetivo do `Samba do Voluntário´, os participantes podem doar 1 quilo de alimento não perecível e/ou 1 litro de leite longa vida que serão destinados para o Centro Cultural Quilombinho, Casas Lares Bethel e Banco de Alimentos de Sorocaba. 
 
O `SAMBA DO VOLUNTÁRIO´ - O `Samba do Voluntário´, que tem sua primeira edição neste ano, pretende tornar-se um megaevento simultâneo e solidário, que se realizará em várias cidades do Brasil e do mundo, para reunir o povo do samba como nunca aconteceu na história recente. Todos os eventos de samba acontecerão no mesmo dia e hora. As instituições beneficiadas podem ser hospitais, orfanatos, asilos, ONGs, escolas públicas, oficinas culturais, organizações de assistência aos animais ou qualquer instituição sem fins lucrativos que necessite de ajuda.
 
O Coletivo Samba Sorocaba se constituiu a partir do sentimento de (re)unir gerações de sambistas locais, estreitando a distância temporal entre estas, no momento presente do Samba. Os diferentes contextos socioculturais vivenciados pelos sambistas se refletem nas variações de temas, timbres e sotaques rítmicos conferidos às canções dos repertórios. Somam-se os encontros entre o samba e outros estilos musicais, fazendo das rodas laboratórios musicais, o que garante um recorte do samba autoral sorocabano ao cenário musical do País.
 
Simultaneamente`, o espaço do samba é compreendido como coletivo negro e lugar de vida militante. Assim, o CSS convoca músicos, artistas, profissionais de outras áreas e moradores das comunidades a vivenciarem juntos experiências de união, alteridade, militância e empoderamento negro. A solidez da proposta tem gerado, em pouco tempo, experiência inesperadas. Em 2017, organizou, inclusive, a maior roda de samba do Estado de São Paulo, que aconteceu em Sorocaba no dia 2 de dezembro e reuniu 175 músicos/sambistas que tocaram juntos em comemoração ao Dia Nacional do Samba. 
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar