Sábado, 17 de Novembro de 2018 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< CULTURA Bach e Beethoven são destaques de setembro da Sinfônica de Sorocaba

Publicada em 11/09/2018 às 18:06
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)
Ainda no espírito festivo da temporada 2018 de concertos da Sinfônica de Sorocaba, sua direção artística, sob a regência do maestro Eduardo Ostergren, preparou um concerto com repertório especial para suas apresentações mensais de setembro, que serão realizadas nesta quinta-feira (13), às 20 horas, e no domingo (16), às 19 horas, sempre na Sala Fundec. No repertório do concerto de amanhã, estão incluídas peças como “Ária na corda sol”, de Bach; “Allegro con brio”, da Sinfonia nº 5 de Beethoven, e a marcha “Pompa e Circunstância” em Ré maior, de Elgar, entre outras. Bach escreveu esta conhecida Ária na primeira metade do século 18 como segundo movimento de uma suíte orquestral nº 3 em ré maior, peça muito tocada em cerimônias de casamento quando os noivos trocam as alianças, bem como confidências e promessas matrimoniais do `para sempre´. Na antiga Rádio Gazeta, de São Paulo, esta era uma música tocada como tema de abertura do programa “A Música dos Mestres”, apresentado diariamente. Originalmente escrita como peça instrumental para dois oboés, fagotes, três trompetes, tímpano e cordas, o segundo movimento serviu de inspiração para o violinista August Wilhelmj realizar um arranjo para solo de violino com acompanhamento de piano, indicando que esta peça poderia ser toda executada na corda sol do instrumento, daí o apelido `ária da quarta corda de Bach´.
 
No concerto de domingo, por outro lado, serão apresentadas também três árias de óperas de Mozart, Puccini e Gounod, que contarão com o solo da soprano, aluna de Canto Lírico do Núcleo de Música da Fundec, da professora Suely Freitas, Eliane Pereira, que conclui seu curso este ano. “É uma oportunidade que nossa Orquestra precisa oferecer aos jovens músicos que estão se formando no nosso Instituto e que almejam uma carreira profissional. É um momento de reconhecimento dos talentos que temos na nossa casa”, afirma o maestro Eduardo Ostergren. Completa o programa a Marcha “Pompa e Circunstância”, do compositor inglês Edward Elgar, obra muito executada em formaturas acadêmicas universitárias.
 
Ambos os concertos contarão ainda com a participação de William Camargo Lima, que também se apresenta como `serrotista´ convidado, solando a “Ave Maria” de Franz Schubert ao som do serrote, com acompanhamento das cordas. Como observa o Clube de Serrotistas do Rio Grande do Sul, “carpinteiros e lenhadores estão acostumados a usar o serrote como ferramenta de corte. A lâmina larga, com dentes afiados e travados, é usada, normalmente, para serrar a madeira”. “O que pouca gente sabe é que o serrote tem uma outra utilidade e pode ser usado também como um instrumento musical, como faz um grupo de `serrotistas´ do Rio Grande do Sul. É um som espacial, um som trêmulo e um som que se propaga muito bem em todos os ambientes. Fica muito bem com orquestra, coro, solistas. Parece um instrumento mais humano, pelo seu timbre, tipo assobio”, como acrescenta o serrotista Antônio Frizon, do Grupo de Serrotistas gaúcho, lembrando que o serrote, como instrumento musical, “se tornou mais ecológico, porque ele deixou de serrar plantas e serrar árvores. É uma missão mais nobre fazer música em vez de serrar arvores”.
 
SERVIÇO – Os ingressos para os concertos de setembro da Orquestra Sinfônica de Sorocaba custam R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia-entrada). Para o espetáculo desta quinta-feira (13) poderão ser adquiridos apenas no dia do evento, amanhã, a partir das 8h30; para o concerto de domingo, a venda de ingressos será realizada na sexta-feira (14), das 8h30 às 18 horas - no dia do evento, ingressos remanescentes serão vendidos com uma hora de antecedência, sempre na portaria da própria Fundec, à rua Brigadeiro Tobias, 73 - Centro.
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar