Sábado, 18 de Agosto de 2018 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< COTIDIANO O mais longo eclipse lunar pode ser observado nesta sexta Dia também será marcado pela Oposição de Marte, que ocorre a cada 26 meses

Publicada em 25/07/2018 às 18:25
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)
O eclipse lunar mais longo do século XXI poderá ser observado em Sorocaba e por todo o Brasil na noite desta sexta-feira (27). Quanto mais próximo do Litoral Leste do País, maior será o tempo de visualização do fenômeno; em São Paulo, o eclipse deve começar às 17h41 e seguir por aproximadamente uma hora e 49 minutos.
 
Com duração total de três horas e 55 minutos e visível em muitas áreas do Planeta, o eclipse lunar consiste na perda do brilho natural da Lua Cheia quando esta passa pela sombra feita pela Terra, que fica entre seu satélite natural e o Sol. Este será o segundo eclipse total da Lua no ano, sendo o primeiro registrado em 31 de janeiro.
 
A baixa nebulosidade prevista para a data no Sudeste deve colaborar para a visualização do fenômeno a olho nu. Nenhum equipamento especial é necessário, mas um binóculo para observação astronômica ou uma câmera fotográfica digital proporcionam uma visão privilegiada.
 
MARTE – Quando ocorre um eclipse total lunar, a noite fica mais escura, o que possibilita a melhor visualização de outros astros. Durante o fenômeno deste 27 de julho, Marte estará muito próximo da Lua eclipsada e será possível ver o planeta vermelho a olho nu.
 
Haverá ainda a Oposição de Marte, que ocorre a cada 26 meses, quando o Sol, a Terra (órbita circular) e Marte (órbita elíptica) estão alinhados em órbita reta. O Sol iluminará a superfície marciana que estará voltada para a Terra, apresentando-se ligeiramente maior e mais brilhante. A melhor aproximação entre os astros havia sido registrada em 2003, quando Marte ficou a cerca de 56 milhões de quilômetros de distância da Terra.
 
EVENTO EM ITAPETINIGA – Nesta sexta-feira (27), das 16 às 21 horas, aliás, o Clube Centauri realizará um evento especial no Câmpus de Itapetininga do Instituto Federal de São Paulo (IFSP) para o acompanhamento dos dois fenômenos. O evento é gratuito e livre, dispensando inscrição para participar. Para mais informações, basta acessar o perfil do grupo no Facebook em  www.facebook.com/events/210582302849559/.
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar