Sexta-Feira, 22 de Junho de 2018 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< CULTURA Barracão Cultural receberá espetáculo infantil que valoriza a cultura negra

Publicada em 05/06/2018 às 18:31
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)
Pertencente ao projeto Caminhos de Ori, a peça teatral infantil “Ilu Okan – O que minha vó me contou”, do grupo Trança de Teatro, será apresentada neste sábado e domingo (9 e 10), às 16h, no Barracão Cultural, espaço cedido pela Secretaria de Cultura e Turismo (Secultur) de Sorocaba. O espetáculo gratuito vai mostrar ao público a importância de assuntos como igualdade racial, combate ao racismo e empoderamento negro.
 
“Ilu Okan – O que minha vó me contou”, que foi viabilizado com recursos da Lei de Incentivo à Cultura (Linc), no edital de 2017, foi idealizado pelo ator Marco Antonio Fera. O espetáculo leva ao palco a história de três crianças, Malaika, Babu e Zur netas da mesma avó, que inventam brincadeiras enquanto recontam as histórias que a avó contou, reforçando a cultura negra.
 
De acordo com Fera, o projeto está dentro do interesse e dever público, para fomento e aumento da quantidade de materiais, ações e conteúdos didáticos e paradidáticos dirigidos aos alunos do ensino fundamental de Sorocaba referente à história e à realidade do povo negro, numa proposta de auxílio às instituições escolares do município para sua renovação, adaptação e cumprimento destes novos contornos relativos às garantias raciais e representatividade dos povos, previstos pelo código democrático brasileiro”.
 
O grupo Trança de Teatro há oito anos incentiva a reflexão e discussão de temas e questões pertinentes ao negro brasileiro e os desdobramentos históricos racial na sociedade contemporânea. O objetivo é estimular o ensino da cultura afro-brasileira nas escolas e o fazer teatral, tendo ponto de partida o negro, sua história e as questões étnicas raciais sociais.
 
O Barracão Cultural está localizado na avenida Afonso Vergueiro, 310, no Centro de Sorocaba. Mais informações pelo telefone (15) 3237.1738.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar