Segunda-Feira, 17 de Junho de 2019

Diário de Sorocaba

buscar

<< SOROCABA Tapetes coloriram ruas da cidade em tributo a Corpus Christi Arcebispo preside missa na Catedral Metropolitana e conduz solenemente o Ssmo. Sacramento pelo Centro histórico

Publicada em 01/06/2018 às 18:13
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)
Jardim Prestes de Barros, Jardim Leocádia, Vila Nova Sorocaba, Vila Assis, Jardim Guaiba, Parque Vitória Régia, Parque Ouro Fino. A lista de bairros que tiveram suas ruas, avenidas e praças artisticamente decoradas no feriado religioso de quinta-feira (31), para a passagem de Jesus Sacramentado, é imensa. O bom tempo colaborou para que novamente o povo católico sorocabano pudesse reverenciar com pompa, como requer a solenidade litúrgica anual em honra do Santíssimo Corpo e Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo presente real e transubstancialmente na Hóstia consagrada sobre o Altar a cada celebração eucarística, mais este Corpus Christi. Os tapetes confeccionados por crianças, adolescentes, jovens, adultos e também integrantes da Terceira Idade, em muitos bairros em trabalho coletivo iniciado ainda pela madrugada, utilizando-se de pó de serra colorido, pó de café, cal e outros materiais afins, traziam as mais variadas alegorias sacras e também mensagens evangélicas atualizadas ao tempo presente, com destaque à paz, à harmonia e à segurança pública, em alusão à temática que norteou este ano a Campanha da Fraternidade, “Fraternidade e superação da violência”, com o lema “Em Cristo somos todos irmãos” (Mt 23,8).
 
O arcebispo metropolitano de Sorocaba, dom Julio Endi Akamine, SAC, presidiu a missa solene de Corpus Christi no final da tarde na igreja da Catedral de Nossa Senhora da Ponte, conduzindo em procissão, em seguida, o ostensório (objeto litúrgico utilizado para a exposição pública do Corpo de Deus presente na Hóstia Consagrada – a palavra `ostensório´, porém, não vem de Hóstia, mas sim de ostentação, significando as elevadas honras que devem ser tributadas a cada momento ao Ssmo. Sacramento) com Jesus Sacramentado, em manifestação pública de reafirmação da fé no Deus ali presente em forma de pão, pelas ruas do Centro histórico da cidade. A procissão percorreu as ruas de São Bento, Padre Luiz e Penha e os boulevards Barão do Rio Branco e Dr. Braguinha.
 
Ao retornar à praça Cel. Fernando Prestes, das escadarias da Catedral Metropolitana o arcebispo dom Julio Endi Akamine procedeu, então, à bênção solene com Jesus Eucarístico vivo e presente no ostensório que carregava, orando, inclusive, pelo futuro do Brasil, com paz, justiça, segurança e prosperidade.
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar