Segunda-Feira, 24 de Setembro de 2018 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< SOROCABA Obras do BRT começam em setembro Sistema de faixas exclusivas de ônibus deve ficar pronto até o final de 2019

Publicada em 10/05/2018 às 18:24
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Germano Schonfelder)
MOBILIDADE URBANA
 
A implantação do BRT (“Bus Rapid Transit” ou “Ônibus Rápido”) em Sorocaba terá início em setembro, conforme o anunciado à imprensa em coletiva realizada na tarde desta quinta-feira (11), na Padaria Real do Alto da Boa Vista. Com investimento de R$ 384 milhões e previsão de entrega em 18 meses, antes do fim de 2019, o modal deve criar 24 quilômetros de faixas exclusivas de ônibus na cidade.
 
“Está na hora de pensar como a gente pode trazer o passageiro de volta para o coletivo”, afirmou a diretora do Consórcio BRT Sorocaba, vencedor de concorrência pública realizada pela Prefeitura Niege Chaves. Após afirmar que, no Brasil, a atenção maior é dada ao transporte individual em detrimento do coletivo, a diretora do Consórcio enfatizou que a infraestrutura do BRT terá, inclusive, ar-condicionado, Wi-Fi e câmeras de segurança.
 
O projeto de implantação do modal prevê a aquisição de 125 ônibus que circularão por 68 quilômetros de corredores de BRT – o Itavuvu, o Ipanema e o Oeste -, além dos estruturais Centro, Hermelino Matarazzo, Comendador Oétterer, General Osório, Leste e Sul. Niege Chaves lembrou ainda que, por meio das mídias sociais e do aplicativo CittaMobi, os usuários poderão acompanhar as atualizações disponibilizadas pelo Consórcio.
 
SINAL VERDE - “O sinal verde foi dado. Hoje é um dia de festa pela certeza de que estamos no caminho certo”, garantiu o prefeito José Antônio Caldini Crespo (DEM), também presente ao ato de lançamento e encontro com a imprensa, frisando que “Sorocaba tem vantagens que outras cidades do mesmo porte não têm”. O chefe do Executivo lembrou ainda que o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) também será uma conquista para o transporte coletivo municipal.
 
O Consórcio BRT Sorocaba terá concessão por 20 anos para construção da infraestrutura e operação do modal. Nos próximos meses, pontos de ônibus serão substituídos por estações no canteiro central e pavimento; sinalização e semáforos serão substituídos e adequados ao sistema. “Vamos fazer desta cidade um modelo”, declarou o secretário de Mobilidade e Acessibilidade do Município e presidente da Urbes – Trânsito e Transportes, Luiz Carlos Siqueira Franchim.
 
PRÊMIO – Ao lado da presidente da Associação Sorocaba de Imprensa (ASI), a jornalista Angela Fiorenzo, a diretora do Consórcio BRT Sorocaba, Niege Chaves, anunciou, por outro lado, a criação do Prêmio de Jornalismo Mobilidade em Foco para incentivar a repercussão midiática sobre o transporte municipal. Mais informações serão disponibilizadas no site da ASI oportunamente.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar