Terça-Feira, 16 de Outubro de 2018 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< SOROCABA Protocolo espera gerar 800 empregos

Publicada em 05/04/2018 às 18:40
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)
O prefeito José Crespo assinou com o Grupo Sorocred, na tarde desta quinta-feira (5), mais um protocolo de intenções. O grupo vai investir R$ 18 milhões e pretende gerar 800 empregos diretos, além de outros 3 mil indiretos. Este é o resultado da transferência para Sorocaba de quatro empresas do grupo que estavam sediadas em Alphaville, na cidade Barueri. “A crise está passando e a economia tende a dar um salto. Nós acreditamos nisso e estamos apoiando investimentos como o de vocês. Todos são importantes, mas vocês estão entre os maiores”, declarou o prefeito José Crespo aos diretores do Grupo Sorocred.
 
As quatro empresas são: Alphamoney Promotora de Vendas Ltda, S@net Soluções e Serviços de Tecnologia Ltda, Sorocred Meios de Pagamento Ltda. e Scard Administradora de Cartões de Crédito Ltda. Apesar do termo assinado ser um protocolo de intenções, o fundador e sócio do Grupo Sorocred, Luiz Maciel de Lima Filho, enfatizou que já investiu milhões em um moderno data center, em dois potentes geradores de energia e em um departamento para tratamento de energia elétrica, a fim de transferir as empresas para um imóvel no centro de Sorocaba, e por isso a mudança já está garantida. “(Essa estrutura) é o nosso coração, porque todas as transações são por meio eletrônico”, declarou.
 
O vereador Hudson Pessini, presente à assinatura do protocolo de intenções, contou que é amigo do sócio-proprietário da Sorocred desde antes de o grupo existir, na década de 1980. No passado, quando a sede da Sorocred deixou Sorocaba, ele ficou incomodado com o fato de a empresa que leva o nome da cidade não estar sediada em Sorocaba. Desde 2017, então como vereador e com acesso ao prefeito José Crespo, assumiu o diálogo entre o grupo empresarial e o governo José Crespo, já que a empresa tinha a disposição de mudar de cidade, mas com outros municípios também em mente. Por fim, o vereador conseguiu estabelecer a ponte entre o empresário e o governo e a mudança foi viabilizada.
 
O faturamento anual das empresas que vão funcionar em Sorocaba está estimado em R$ 1 bilhão, segundo o diretor jurídico e compliance do Grupo Sorocred, Marcelo Moreira de Souza. “Estamos inovando em tecnologias e temos um plano de negócios para que, nos próximos anos, cada uma dessas empresas invista a média de R$ 5 milhões ou R$ 6 milhões”, declarou o diretor. A seleção dos profissionais já está sendo feita no próprio prédio da empresa em Sorocaba, à rua XV de Novembro, 45.
 
O diretor jurídico lembrou ainda que, desde o início deste ano, a “joia da coroa”, a Sorocred Crédito, Financiamento e Investimento, já funciona em Sorocaba. As autorizações para a transferência das empresas foram solicitadas ao Banco Central e à Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp), com a expectativa de que as mudanças possam ocorrer neste mês.
 
Também participaram da reunião onde ocorreu a assinatura do protocolo de intenções os secretários municipais: Eric Vieira (Gabinete Central), Robson Coivo (Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda), Eloy de Oliveira (Comunicação e Eventos) e o vereador Hudson Pessini. Também estava presente o advogado do Grupo Sorocred, Danilo Rossi, além dos demais diretores já citados.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar