Segunda-Feira, 23 de Abril de 2018 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< ECONOMIA Comércio espera 5% de aumento nas vendas nesta Páscoa

Publicada em 26/03/2018 às 18:17
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Arquivo/Fernando Rezende)
A estimativa da Associação Comercial de Sorocaba para a Páscoa de 2018 é crescimento de aproximadamente 5% nas vendas nesta semana em relação ao mesmo período do ano passado. Conforme pesquisa realizada pela entidade, o alto índice é justificado principalmente pela inovação de produtos e a queda nas vendas nos dois últimos anos, durante o período de crise econômica. 
 
A pesquisa foi realizada durante os meses de fevereiro e março pelo economista da Associação Comercial/Esamc Jr., Rafael Muscari, que abordou 146 pessoas e analisou o mercado pelo ponto de vista do consumidor e também pelas perspectivas dos empresários, que comercializam os produtos referentes à Páscoa: chocolates, peixes e bebidas alcoólicas. 
 
O chocolate, nas mais diversas formas e sabores, é a preferência de 66% dos entrevistados. Em relação aos ovos de Páscoa, 42% disseram não ter comprado em 2017, porém 19% desse universo afirmam que irão comprar. Do total que irá comprar neste ano, 76% dizem que pretendem presentear nesta data festiva, enquanto 24% irão comprar apenas para consumo próprio. 
 
O estudo apontou ainda que 16% pretendem comprar peixes e derivados e 18% irão investir em bebidas alcoólicas, como se a Páscoa “fosse comilança e bebida”, como frisa o arcebispo dom Julio Endi Akamine, SAC (ver página 4).
 
OVOS CASEIROS – Por outro lado, os ovos caseiros de chocolate para a Páscoa, que também invadiram o mercado brasileiro e hoje são muito bem aceitos entre os consumidores, nesta pesquisa da Associação Comercial local têm um total de 48% da preferência; 52% dos pesquisados afirmaram, porém, pretender continuar comprando produtos industrializados. 
 
Outro estudo realizado com 18 produtores de ovos caseiros aponta que a expectativa é positiva, ou seja, que a venda se iguale com as de 2017. Eles acreditam em crescimento de até 10%. Para 80% dos pesquisados, produzir ovos de chocolate em casa é uma renda extra que envolve toda a família, incrementando a renda.
 
 Quanto aos supermercados, a expectativa de vendas também é positiva. A estimativa é que o aumento seja em torno de 5% nos chocolates; já para os peixes e afins, estima-se 3%. “A queda da inflação, somada a juros mais baixos e à retomada do índice de confiança do consumidor, além das pessoas estarem mais confiantes em sua empregabilidade, indicam a possibilidade no crescimento nas vendas do varejo como um todo, principalmente com a chegada da Páscoa, por ser uma comemoração familiar, envolvendo sentimentos cristãos. É uma grande oportunidade também para quem ainda não conseguiu uma colocação no mercado de trabalho, pois surgem vagas para operadores de caixa, estoquistas, repositores e vendedores neste período o que pode gerar uma renda extra”, acrescenta o presidente em exercício da Associação Comercial, José Alberto Cépil.
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar