Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< POLÍCIA Motorista de colisão que provocou morte de professora ganha liberdade provisória

Publicada em 23/02/2018 às 18:14
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Em audiência de custódia no Fórum de Sorocaba, nesta sexta-feira (23), a Justiça concedeu liberdade provisória ao homem de 41 anos, que dirigia um caminhão e teria provocado o acidente que vitimou a professora da rede municipal, Renata Cabrerisso, na Rodovia Celso Charuri, na terça-feira (20). Nos próximos dias, a Polícia Civil deve finalizar o inquérito em que o motorista foi indiciado por embriaguez ao volante e homicídio doloso. 
 
O homem recebeu liberdade provisória sem fiança e autos aguardam o relatório policial para possível oferecimento de denúncia. De acordo com a Polícia Civil, estão sendo feitas diligências complementares para a conclusão do inquérito. A par disso, imagens de videomonitoramento e radares foram solicitados à concessionária que gerencia a via, e a outra vítima do acidente, que sobreviveu, já foi ouvida; uma perícia também deve ser feita no local.  
 
No acidente, a professora dirigia um Ford Ká, quando o motorista de um caminhão Mercedes-Benz, com placas de Pilar do Sul, atingiu a traseira de seu veículo; com o impacto, o carro colidiu com um Fiat Fiorino, provocando um capotamento. O automóvel, que era conduzido pela professora Renata, entrou embaixo de um caminhão Scania, ficando completamente destruído. Ela morreu no local, o motorista do Fiat Fiorino teve escoriações e os motoristas dos dois caminhões não se feriram.  
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar