Domingo, 24 de Junho de 2018 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< POLÍCIA Homem tentar extorquir prefeita em R$ 80 mil

Publicada em 20/02/2018 às 18:24
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Prefeita de Araçariguama, Lily Aymar (Foto: Ewerton Rocha)
Um homem de 55 anos foi preso na noite de segunda-feira (19) por extorsão, ao tentar arrancar R$ 80 mil em dinheiro da prefeita de Araçariguama, Lily Aymar, e seu marido, o ex-prefeito da cidade Carlos Aymar. O suspeito, que se declarou vendedor e não quis se manifestar no interrogatório, teria exigido o dinheiro para não divulgar um dossiê com informações que poderiam comprometer o casal. 
 
De acordo com a prefeita Lily Aymar, que veio a Sorocaba nesta terça-feira (20) junto com o marido para a elucidação dos fatos junto à Polícia e participou de coletiva à imprensa na sede da Delegacia Seccional, na avenida General Carneiro, tal material não existiria e ela não saberia dizer o que poderia ser  que o acusado tinha em mãos. Ela se manteve tranquila sobre qualquer possibilidade do homem ter algum material sensível e disse que se trata apenas de perseguição familiar. O caso foi resolvido e julgado em Sorocaba, mas o Fórum da Comarca de São Roque é que, a partir de agora, cuidará do destino do acusado.
 
O caso começou na sexta-feira (16), com o acusado entrando em contato com uma pessoa da Prefeitura de Araçariguama, próxima de Lily, e exigindo os valores em dinheiro. Ele disse ao funcionário que estava em poder de vários documentos oficiais que comprometiam a administração da prefeita e que os divulgaria caso não recebesse R$ 80 mil em dinheiro vivo até 22 de fevereiro. E.J.F. mantém um blog de notícias relacionadas à política. Lily entrou em contato com a Polícia e durante toda a segunda-feira, por intermédio da Delegacia Seccional de Sorocaba, as partes foram ouvidas. Um local foi determinado para encontrar o chantagista. Uma faculdade em São Roque foi o ponto de encontro e ficou acertado de se entregar primeiramente R$ 10 mil em dinheiro para ele em sua casa. Na hora em que recebia as cédulas, em sua residência, no Jardim Santo Antônio, na mesma cidade, recebeu voz de prisão em flagrante por extorsão.
 
O acusado foi enviado para o Fórum de Sorocaba, onde um juiz converteu o flagrante em prisão preventiva, durante audiência na manhã desta terça-feira. Ele permanecerá preso enquanto aguarda o julgamento. Lily está em seu primeiro mandato como prefeita, após ser eleita vereadora três vezes em Araçariguama. Nenhum material comprometedor foi encontrado na casa do criminoso.
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar