Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< ECONOMIA Vendas de Natal podem ter superado expectativas

Publicada em 26/12/2017 às 18:28
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Arquivo/DS)
Os dias que antecederam o Natal foram marcados pela expectativa de faturamento superior, em relação aos anos anteriores. As consultas ao Serviço Central de Proteção ao Crédito, banco de dados de clientes adimplentes e inadimplentes, aumentaram em 3,01% e podem indicar que ocorreu  crescimento nas vendas em comparação ao mesmo período do ano de 2016, entre os dias 15 e 24 de dezembro, possibilitando um suspiro para os lojistas que esperavam vender mais, em uma das datas mais importantes para o comércio.
 
Segundo levantamento do economista da Associação Comercial/Esamc Jr., Rafael Muscari, o banco de dados do SPC registrou crescimento de 3,1% nas consultas, o que pode indicar um aumento nas vendas a prazo no período. “O aumento da demanda por verificação de crédito implica diretamente no aumento das vendas. Em meio à crise que enfrentamos este ano, qualquer aumento deve ser comemorado e os 3,1% é bastante positivo”, avalia Muscari. 
 
Para o presidente da Associação Comercial, José Alberto Cépil, neste ano iniciou-se a retomada econômica, mas acredita que ainda há muito que recuperar. “Já temos uma luz no fim do túnel e, desta vez, parece não ser um novo trem ao nosso encontro. Nos dias que antecederam o Natal, pudemos perceber as ruas da região central lotadas de pessoas em busca de presentes, consumidores com sacolas e prestigiando o comércio da cidade. Isso nos deixou mais motivados e acreditando na retomada.
 
Agora com os números apurados das consultas em nosso banco de dados, ficamos mais felizes e aliviados pelas ações que promovemos, esperando fechar o ano com boas notícias que vão além do crescimento nas vendas”, ressalta Cépil, destacando ainda que os números indicam que o caminho da retomada econômica foi encontrado. “Estamos satisfeitos com o resultado e esperamos que em 2018 possamos comemorar um novo crescimento em cada mês e várias conquistas”, finaliza.
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar