Domingo, 22 de Outubro de 2017 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< SOROCABA Mostra leva Quarteto Triunfal ao Botânico

Publicada em 06/10/2017 às 17:48
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)
MÚSICA DE CÂMARA
 
Para o mês de encerramento da II Mostra de Música de Câmara de Sorocaba estão programados nove concertos com grupos vocais quartetos, trios, duetos e solos de música erudita. Neste domingo (8), às 10 horas, o Quarteto Triunfal apresenta-se no Palacete de Cristal do Jardim Botânico. 
 
O quarteto exibirá o concerto “Da Áustria à Argentina”, com obras de Mozart, Haydn e Astor Pizzolla. 
 
Formado pelos violinistas Michael Nunes da Silva e Alex Nascimento, pelo violista Éber Mateus dos Santos e pelo violoncelista Maison dos Santos, o Quarteto Triunfal surgiu a partir da amizade pessoal e afinidade musical dos integrantes e se tornou projeto de aprofundamento artístico e musical. Tem se apresentado em festivais de música e também em eventos sociais e empresariais de Sorocaba e região, com um repertório variado dos períodos Barroco, Clássico e Romântico da História da Música, bem como temas populares. 
 
Éber Mateus dos Santos é pós-graduado em Educação Musical pela Faculdade de Artes Paulista (FPA), estudou Regência Orquestral com os maestros Eduardo Ostergreen e Carlos Fiorini e se formou em Regência pelo Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos”, de Tatuí, na classe do maestro Dario Sotelo. É também formado em piano erudito pelo Conservatório Musical “João Baptista Julião”, na turma da professora Ilza Maria Soares, e em violino pela Escola de Música de Piracicaba “Ernst Mhale”, na turma do professor Luís Fernando Fischer Dutra. Atualmente, é professor de violino no Instituto Municipal de Música de Sorocaba, no Projeto Guri (Polo de Votorantim) e músico da Orquestra Sinfônica de Sorocaba. 
 
Alex do Nascimento iniciou seus estudos de violino no ano de 2003, no Instituto Municipal de Música de Sorocaba (Fundec), com o professor Éber Mateus dos Santos. Posteriormente, passou a ter aulas com o professor Vlamir Devanei Ramos Júnior. Atualmente, é violinista da Orquestra Jonicler Real, Orquestra da Unesp, Orquestra Sinfônica de Araçoiaba da Serra e Sinfônica de Sorocaba, professor de violino no Conservatório “João Baptista Julião” e educador do Projeto Guri cordas friccionadas.
 
Michael Nunes da Silva iniciou seus estudos de música em 2002 sobre a orientação do professor Éber Mateus dos Santos. Concluiu o curso de violino no Conservatório Dramático de Tatuí e, posteriormente, o bacharelado na Faculdade Mozarteum de São Paulo. Em 2015, concluiu o curso de pós-graduação, na Facesp, na área de musicalização para educadores. Integra o grupo Folclore Nativo, onde mantém um trabalho de música regional.
 
Já Maison Santos iniciou seus estudos no ano de 2004 no Projeto Guri (Polo Sorocaba), passando a estudar em 2005 no Instituto Municipal de Música de Sorocaba e no Conservatório de Tatuí, ambos na classe do professor Jeferson Perez. Em 2011, ingressou no Instituto Baccarelli, na classe de André Micheletti. Em 2013, ingressou no Conservatório Municipal de Barcelona na Classe do professor Lito Iglesias. 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar