Domingo, 22 de Outubro de 2017 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< SOROCABA Paróquia Bom Jesus inaugura Porciúncula Réplica de capela franciscana em Assis, na Itália, será aberta ao público em Missa deste domingo (8)

Publicada em 06/10/2017 às 17:39
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Miguel Pessoa)
DE ASSIS PARA SOROCABA
 
Cada pedra e tijolo posicionados no centro do pátio da Paróquia Bom Jesus dos Aflitos, situada na Vila Hortência, no decorrer do último ano, ganha agora ares de paz e humanidade gerados pelo carisma franciscano, o que pode ser conferido com a inauguração da Porciúncula de Nossa Senhora dos Anjos, que se deu na Missa da manhã do domingo (8).
 
A réplica sorocabana da capela remete à de São Francisco de Assis que, há 800 anos, na Itália, reconstruiu três capelas após ouvir um pedido do crucifixo. As capelas de São Damião e de São Pedro foram erguidas, mas foi com a de Santa Maria dos Anjos que houve um apreço especial. “Era dedicada à Mãe de Deus, Nossa Senhora dos Anjos”, justifica o pároco, frei Benedito Gonçalves, OFM.
 
São Francisco começou a residir na capela; há tanto tempo, foi lá que recebeu seus primeiros seguidores. A Porciúncula, que leva o nome justamente por ser pequena, seria então o berço da Ordem Franciscana.
 
“Era a igreja mãe, a sede de onde os frades saíam para as missões e voltavam”, explica frei Benedito. Com permissão do Papa, São Francisco garantiu que os devotos tivessem acesso ao local para celebrar o Perdão de Assis.
 
A data, celebrada em 2 de agosto, foi a motivação para construir a capela em plena Vila Hortência, conta o pároco. “No ano passado, quando celebramos os 800 anos do Perdão, houve a ideia de construir a réplica. A intenção era inaugurar neste 2 de agosto, mas não foi possível pelos contratempos”, lamenta.
 
A partir deste domingo (8), todos os fiéis que visitarem a Paróquia Bom Jesus, no número 583 da avenida Coronel Nogueira Padilha, terão a possibilidade de conhecer a capela, construída com pedras por fora e tijolos por dentro. As grandes devoções de São Francisco estão ali representadas, sendo elas, a humanidade, a devoção à Paixão do Senhor e a Eucaristia. “Vai estar sempre aberta”, garante o frei. “A estrutura é um local propício ao recolhimento.”
 
O responsável pela obra é Aldevino Silva, 44 anos, mais conhecido como Divino. Sem nunca ter participado de algo semelhante, topou o desafio e fica feliz com o resultado. “Fizemos com muito carinho”, conta. “Falei que ele pode fazer muita coisa bonita ainda, mas que esta seria a obra da vida dele. É um artista”, elogia o pároco.
 
Para frei Benedito, é uma grande emoção instalar a capela no Brasil. “São Francisco pediu que a gente nunca abandonasse a Porciúncula. Ele falava que, se alguém nos expulsasse pela porta, que voltássemos pela outra!”, brinca. “São Francisco tem muito a dizer nos dias de hoje. É um homem da humanidade; e se ser divino é ser profundamente humano, esta é a saída de Deus para nós.”
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar