Sábado, 21 de Outubro de 2017 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< CULTURA Noite de reverência à obra de Pixinguinha

Publicada em 03/10/2017 às 18:16
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)
MÚSICA
 
Chega a Sorocaba na noite desta quarta-feira o imperdível espetáculo “Pixinguinha – As Quatro Estações”, na realidade mais uma aula-espetáculo que homenageia o trabalho daquele que é considerado um dos maiores compositores da Música Popular Brasileira de todos os tempos, Alfredo da Rocha Vianna Filho, mais conhecido como Pixinguinha. A apresentação será às 20 horas no Sesc local, custando os ingressos R$ 6,00 para credenciados no Sesc e dependentes (credencial plena), R$ 10,00 para aposentados, pessoas com mais de 60 anos ou com deficiência, estudantes e servidores da escola pública com comprovante e R$ 20,00, inteira, à venda na Central de Atendimento da Unidade, à rua Barão de Piratininga, 555 – Jardim Faculdade.
 
Trabalhando há muito tempo com a obra daquele sobre o qual muito se fala, mas poucos conhecem a grandeza e o alcance de seu trabalho, pilar fundamental sobre o qual se ergueu a Música Popular do Brasil, Marcelo Vianna - ator, cantor e neto do compositor - e Henrique Cazes - músico e pesquisador - se uniram para formatar essa aula-espetáculo, em que estão lado a lado a informação e o encanto da obra do imortal Pixinguinha. A apresentação é ilustrada pelos números musicais e também pela audição de trechos de gravações originais de relevância histórica.
 
É de autoria de Pixinguinha a composição do choro “Carinhoso” que, com mais de 400 regravações, se firmou como um dos maiores clássicos da Música Popular Brasileira, completando cem anos neste 2017 e que depois recebeu a letra que dificilmente um brasileiro não cantarole em versos poéticos de Braguinha, outro inesquecível nome da MPB. Outras composições de sucesso do cancioneiro atribuído à genialidade de Pixinguinha são "Rosa", "Vou vivendo", "Lamentos", "Um a Zero", "Naquele tempo" e "Sofres porque Queres".
 
O NETO DE PIXINGUINHA - Marcelo Vianna, neto de Pixinguinha, iniciou sua carreira na década de 90, dividindo o palco com Paulinho da Viola, Baden Powell e João Nogueira. Tem em sua discografia duas obras emblemáticas: "Teu Nome", dedicado justamente àobra do avô - e "Cai dentro", trazendo a parceria de Baden Powell e Paulo César Pinheiro.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar