Terça-Feira, 21 de Novembro de 2017 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< CULTURA Grupo Esparrama traz o espetáculo Fim?

Publicada em 08/09/2017 às 18:08
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)
TEATRO
 
O Grupo Esparrama - formado por Iarlei Rangel, Kleber Brianez, Ligia Campos, Luciana Gandelini e Rani Guerra – apresenta-se às 16 horas deste domingo (10) no Sesc Sorocaba, no Jardim Faculdade, convidando o público para uma passagem pelo fim do mundo, onde só sobraram duas baratas e dois palhaços. Com o sugestivo nome “Fim?”, o grupo propõe, assim, importantes reflexões sobre os comportamentos da sociedade contemporânea e questiona: afinal, para onde e de que forma nós, os humanos, estamos caminhando?
 
Em um cenário de destruição, duas baratas festejam o fim do mundo, pois agora o mundo é só delas. Mas, de repente, se deparam com dois seres atrapalhados e esquisitos que acreditam que poderão plantar a semente do novo recomeço: dois palhaços. Irritadas com a presença destes seres, elas passam a executar planos mirabolantes e colocar divertidas armadilhas para que, assim, eles entendam que não tem mais jeito, que o mundo agora é das baratas. De forma leve e divertida, estes palhaços irão percorrer cenários de guerras, desastres e catástrofes provocadas pelos seres humanos e convidarão as crianças para encontrar uma forma de reavivar tudo o que foi perdido. “`Fim?´é um espetáculo que trata das diversas perspectivas sobre o fim do mundo”, comenta o diretor do espetáculo, Iarlei Rangel. “Por um viés ecológico, trata da necessidade de recuperar a natureza, da necessidade de pensarmos formas de consumo consciente e sustentável. E trata também do fim do mundo decorrente da falta do encontro do ser humano com o seu outro. Do fim do mundo que acontece pela falta de diálogo, pela ausência de afetos, pela falta de empatia com a dor do outro”. 
 
NOTORIEDADE PELO MINHOCÃO - O Grupo Esparrama ganhou notoriedade por levar arte para o Minhocão e é um dos grandes responsáveis por dar cara nova a esta região do centro de São Paulo. Esparramando cores, arte e muito bom humor, o grupo cativou a população local e atraiu os olhares de pessoas de diversos lugares, que passaram a incrementar seus domingos de lazer, participando das atividades propostas pelo Esparrama. Após a explosão do teatro na janela, forma como carinhosamente a população apelidou o projeto onde o grupo apresenta um espetáculo de teatro a partir da janela de um apartamento, localizado em frente ao Minhocão, o Grupo Esparrama voltou para falar do fim do mundo, mas mantém sua pesquisa com elementos e importantes reflexões sobre a cidade.
 
SERVIÇO – Os ingressos custam R$ 17,00 (inteira). R$ 8,50 (meia: estudante, servidor de escola pública, pessoas com mais de 60 anos ou com deficiência e aposentados) e R$ 5,00 (Credencial Plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes). Grátis para crianças até 12 anos. 
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar