Domingo, 20 de Agosto de 2017 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< SOROCABA Grafite no Palacete Scarpa causa polêmica

Publicada em 11/08/2017 às 18:37
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)
Mediante ao requerimento protocolado pelo vereador Pastor Luís Santos, no qual solicita a remoção imediata da obra de grafite da artista Panmela Castro da parede lateral do Palacete Scarpa, o secretário da pasta, Werinton Kermes, esteve com o parlamentar. 
 
Na conversa, no gabinete de Santos, o vereador apresentou suas considerações, de que a obra sugere a figura de uma genitália feminina e que causa repúdio e vergonha à população sorocabana. Perante a fala do vereador, Kermes reforçou sua postura em defesa da livre expressão artística e da necessidade de a arte provocar questionamentos, principalmente no que tange os espaços e a leitura da mulher na sociedade. 
 
O titular da pasta explicou, ainda, que a obra faz parte da Trienal de Artes do Sesc – Frestas, um dos mais importantes eventos de arte contemporânea do Brasil. Disse, ainda, que a obra de um artista sempre tem valor inquestionável e, não cabe, principalmente a leigos, julgar o certo ou o errado nesse tipo de construção. 
 
“Não podemos admitir que uma cidade, que recebe um evento e uma artista dessa magnitude, ainda se comporte dessa forma. Não cabe a discussão do gostar ou não gostar do que se vê, mas de respeitar a criação e, principalmente, o debate que ela traz ao tratar de temas tão contemporâneos e, ao mesmo tempo, tão velados na sociedade”, disse o secretário, que reforçou que vai lutar para o que requerimento não seja cumprido.
 
O secretário disse também que a citada obra, chamada de “Femme Maison”, não foi a mesma apresentada à Secretaria quando feita a solicitação do espaço para o grafite, porém, tanto o trabalho inicial quanto o que está concluído no Palacete Scarpa tratam da mesma temática e refletem a mesma necessidade de discussão acerca da mulher na sociedade, segundo ele.
 
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar