Quarta-Feira, 26 de Julho de 2017 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< SOROCABA Motoristas vão para protesto e linhas ficam inoperantes, diz Urbes

Publicada em 11/07/2017 às 12:57
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Germano Schonfelder)
Atualizada às 13h27
 
Motoristas da empresa STU não fizeram a troca de turno, por volta das 12 horas desta terça-feira (11), e foram participar do protesto em frente ao Paço Municipal, afirma a Urbes-Trânsito e Transportes, ressaltando, ainda, que os ônibus ficaram estacionados no Terminal Santo Antônio.
 
A empresa pública salienta que a STU fez remanejamentos dos profissionais e que as linhas 71/1, 63, 11 e 41, que estavam paradas, voltaram a circular por volta das 13 horas.
 
O Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região deve se posicionar sobre o caso.
 
MANIFESTO - Os trabalhadores em transporte urbano e os servidores públicos se reúnem na manhã desta terça-feira (11), em frente ao Palácio dos Tropeiros, para uma assembleia, onde abordam as reivindicações das categorias.
 
Mais cedo, cerca de 100 motoristas estiveram no plenário da Câmara Municipal protestando contra as declarações do prefeito José Crespo (DEM) e do vereador JP Miranda (PSDB) sobre a greve, que hoje entrou no 14º dia.
 
A decisão de os trabalhadores em transporte irem ao Legislativo deu-se após assembleia na manhã desta terça-feira, na sede do Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região, para avaliação da paralisação. 
 
Já em relação aos funcionários públicos, por unanimidade, os vereadores rejeitaram os projetos de lei do prefeito que interferem nos direitos do funcionalismo público, como criação de cargos comissionados na Secretaria de Cidadania e Participação População do Município.
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar