Sábado, 27 de Maio de 2017 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< BBB 17 BBB 17 - Marcos e Marinalva disputam o décimo primeiro paredão

Publicada em 09/04/2017 às 03:01
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Marinalva e Marcos estão no décimo primeiro paredão do "BBB17", formado na noite deste sábado (8). A paratleta foi para a berlinda após a indicação da líder Emilly, enquanto Marcos recebeu o maior número de votos da casa, três no total (Ieda, Marinalva e Vivian). Diferentemente da semana passada, os votos da casa foram feitos na sala diante de todos.

Diferente das semanas anteriores, quando o paredão era formado no domingo e eliminação acontecia na terça-feira, o reality show sofreu alterações na rotina devido a reta final da competição. A alteração na grade foi confirmada na quinta-feira (6), no programa ao vivo, pelo apresentador Tiago Leifert. Porém os participantes foram pegos de surpresa neste sábado.

A líder Emilly ficou nervosa ao ser informada sobre a votação, hesitou por alguns segundos mas abriu a votação colocando Marinalva no paredão com a justificativa: "Pela série de coisas que já aconteceram. O pedido de desculpa é bonito, mas não apaga o que aconteceu na casa".

DEFESAS - Após o fim da votação, Leifert abriu espaço para os brothers defenderem a permanência na casa. Marcos foi o primeiro a falar: "A gente chegou a uma altura do campeonato agora, mais ou menos o que Dan falou, todo mundo mostrou o que é, mas óbvio que sempre tem a chance de fazer mais alguma coisa certa ou errada. Eu confio na edição do programa, que mostre tudo o que aconteceu na casa, tudo o que eu vi. O público que decide, eu estou de consciência tranquila."

Na sequência foi a vez da paratleta ter seus 30 segundos para se defender: "Eu estou muito feliz de estar aqui, acho que todos já somos vencedores. Eu tenho dado o melhor que eu posso aqui dentro, todos os momentos que posso fazer algo, seja criticar ou algo construtivo, eu estou sempre fazendo o meu melhor".

VOTOS DA CASA - Leifert pediu para a líder Emilly sortear a ordem da votação. A sister pegou a urna que estava em cima da mesa e sorteou o nome de Ieda. A aposentada foi a primeira a votor e escolheu Marcos.

Em sua justificativa a gaúcha disse que não poderia trair as amigas (Marinalva e Vivian) e por isso votaria no médico, alegando uma fala do próprio gaúcho sobre fidelidade com os amigos dentro da casa.

Na sequência foi a vez de Vivian votar. A manauara também escolheu o médico, alegando que manteria sua estratégia das últimas semanas. Então foi a vez de Marinalva votar. A paratleta escolheu o cirurgião e definiu seu adversário no paredão dessa semana.

Marcos questionou Leifert se precisaria votar, já que o paredão já estava decidido. O apresentador disse que o voto era obrigatório. Contrariado, o gaúcho votou em Ieda alegando que a sister havia dito que "queria a gauchada na final", mas ao votar nele estaria se contradizendo.

PROVA DO LÍDER - Sentados em tapetes voadores, no maior estilo "noite das Arábias", Emilly, Marcos e Marinalva começaram a disputar a prova de resistência na sexta-feira (7), competição que valia a liderança e imunidade no 11º paredão do "BBB17", formado excepcionalmente neste sábado.

Intitulado "Tapetes Voadores", o desafio consistiu em ficar sentado sobre tapetes suspensos. De tempos em tempos, um sinal obrigava os confinados a tocar uma campainha. Quem não apertasse o botão no tempo estimado - 10 segundos – seria eliminado da prova.

Ieda e Vivian não se classificaram para a disputa e ficaram de fora da prova. A produção também não autorizou a permanência das sisters do lado de fora da casa. "Aproveitem para descansar", disse Leifert.

Marcos foi eliminado com menos de cinco minutos de disputa, após cometer uma irregularidade e ser desclassificado. Depois 11 horas de prova, Marinalva esqueceu de tocar a campainha e foi eliminada, dessa maneira Emilly se tornou a nova líder do "BBB17".

MARCOS X EMILLY - Após bater boca com Ieda, Marcos começou uma nova briga com Emilly, no sábado (8). O brother convenceu a gêmea a deixar a Festa Emoções e ir conversar no térreo. Durante a discussão, o cirurgião disparou: "E se um verme for mais evoluído que você?".

Logo que a festa começou, Ieda e Marcos se desentenderam e o cirurgião disparou: "Por favor não se meta, se afaste do nosso relacionamento". Durante a briga, a aposentada afirmou que faria uma denúncia contra o brother no confessionário.

MARCOS XINGA A PRODUÇÃO - Marcos voltou a se desentender com a produção do Big Brother Brasil na manhã de sábado, 8. O brother não ficou satisfeito ao ser eliminado logo no início da prova do líder.

A produção interpretou que o participante infringiu as regras da brincadeira, que não permitia que eles se levantassem ou ficassem de joelhos na plataforma suspensa da prova "tapete voadores".

Mesmo após ver a 'namorada' Emilly vencer a prova, Marcos disse aos gritos: "eu vou reclamar, eu vou reclamar!". O cirurgião ainda xingou a produção. "Minha clínica tem um faturamento mensal de R$ 100 mil. Estou aqui há dois meses brincando. Daí com cinco minutos de prova os caras me eliminam... Vão se foder!”.

No Twitter, internautas comentaram a reação do brother. Eles também pediram a eliminação de Emilly, alegando que ela também quebrou as regras do jogo. A sister ganhou a prova após uma disputa de 12 horas com Marinalva, que acabou esquecendo de apertar um botão e foi eliminada.

 OUTRAS BRIGAS - O médico já se estranhou outras vezes com a produção do jogo. Em uma ocasião, o som da casa foi desligado durante uma festa logo após Marcos falar para Ilmar que a produção teria mandado ele transar com Vivian. Em seguida, internautas que acompanhavam o programa disseram que viram Marcos batendo boca com os funcionários do BBB 17. Em outra episódio, disse ao vivo que a polícia esteve na casa para cobrar o pagamento de pensão alimentícia para Ilmar. Ele foi chamado atenção por Tiago Leifert, que negou o fato.

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar