Quarta-Feira, 18 de Outubro de 2017 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< ESPORTE 'Gol bisonho', terceira derrota e Azulão vai para lanterna do Paulistão

Publicada em 16/02/2017 às 11:57
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto:Divulgação)
E a “maré” continua péssima para o São Bento. Pela terceira rodada do Campeonato Paulista, o Azulão bem que jogou bem a maior parte do jogo contra o Ituano ontem à tarde, no Estádio Novelli Júnior, criou ótimas chances, mas acabou sendo derrotado pelo Galo de Itu por 1 a 0 com um gol contra bisonho do zagueiro João Paulo no primeiro tempo. 
 
No segundo, o Azulão pressionou muito, mas perdeu muitos gols. Com o resultado, o São Bento é agora o lanterna do Paulistão sem nenhum ponto ganho em três partidas, e três derrotas, além da quarta colocação no grupo C, atrás de Santo André com 5, Novorizontino e Palmeiras com 3 pontos. O Ituano lidera o grupo A com 7 pontos, na frente de São Bernardo, Botafogo e Corinthians, e no geral em segundo lugar com 7 pontos entre os 16 times.
 
GOL BISONHO, 1 A 0 ITUANO - No primeiro tempo, o jogo começou mais equilibrado nos 20 minutos, com leve vantagem do São Bento, articulando melhor as jogadas. A primeira chance foi do São Bento aos 10h30 numa forte falta cobrada por Itaqui do meio da área, que deu rebote do goleiro rubronegro, Fábio, mas sem aproveitamento do ataque azul.
 
O Ituano respondeu aos 14 com Ronaldo num chute mascado e aos 14 num tiro de Morato, defendido por Viana. Aos 16, Clébson deixou Wilson Júnior na cara de Fábio, mas o guarda-metas ituano evitou o gol do São Bento. Aos 22 minutos, o Ituano ganhou de presente um gol. Denner recuou para João Paulo, que recuou mal por cima e encobriu o goleiro Rodrigo Viana, que ainda tentou tirar, mas não deu; 1 a 0. Na reclamação, Paulo Roberto foi expulso.
 
AZULÃO DOMINA - Com o São Bento perdido em campo, o Ituano passou a dominar o jogo e, aos 33, a defesa azul parou, e Ronaldo invadiu pela esquerda e chutou para fora perdendo um gol feito para o rubronegro. Um minuto depois, Morato recebeu no contragolpe, deu um corte e João Paulo mandou no canto, mas Viana evitou o segundo gol. O Azulão esboçou uma pressão no final do período. 
 
Aos 39, o São Bento tentou chegar, Magrão recebeu pela esquerda, escapou da marcação, mas bateu em cima de Fábio. Aos 43, Magrão recebeu na cara de Fábio, bateu rasteiro, mas o goleiro Ituano evitou o empate com o pé. Um minuto depois, o mesmo Magrão girou e bateu de primeira para fora. O período teve seis minutos de acréscimo por conta da parada técnica e, aos 49, num cruzamento todo ataque azul passou e não achou a bola. E ficou nisso. “Errei reconheço, e acabou. Vamos buscar e reagir e tentar virar”, disse o zagueiro João Paulo, autor do gol contra, à Sportv. 
 
SÃO BENTO PRESSIONA MAS NÃO MARCA - No segundo tempo, só deu São Bento, mas, mesmo pressionando, faltou capricho nas finalizações para empatar o jogo. O  Azulão veio para cima, buscando o empate, e criou duas boas chances com cinco minutos: a 1min50, num voleio de Magrão e aos 4min50, num arremate de Itaqui. Aos 13, Wilson Junior fez uma grande jogada pela direita e cruzou rasteiro e a bola passou perto da linha fatal com Pity, que perdeu o gol mais feito do  jogo. Morais tentou aos 17, mas raspou o gol ituano.
 
Aos 20 minutos, o Ituano chegou pela primeira vez a uma falta, bem-defendida por Lucas Crispim. Aos 23, outra grande chance do Azulão, em cruzamento de Bebeto e com uma cabeçada de Magrão na cara do gol, mas para fora. Aos 31, Itaqui bateu falta por cima para o Azulão. Na pressão no minuto seguinte, Clébson mandou pelo alto e Fábio deu um tapa e evitou o gol de empate. A blitz azul seguiu aos 36, primeiro com Dantas e depois Clébson, que mandou por cima. Aos 40, Morais bateu firme, mas errou o alvo.
 
PRÓXIMOS JOGOS - Na quarta rodada, no próximo sábado (18), às 19 horas, o São Bento recebe o Botafogo em Sorocaba. No mesmo dia, às 17h, o Ituano vai a Novorizonte encarar o Novorizontino.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar