Sábado, 24 de Junho de 2017 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< EDUCAÇÃO Novas propostas pedagógicas são debatidas para início de ano letivo

Publicada em 18/01/2017 às 06:47
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Desde o dia 2 de janeiro, a Secretaria de Educação vem promovendo uma série de reuniões envolvendo os seus profissionais, visando à formatação das novas propostas pedagógicas e de gestão, que serão colocadas em prática a partir do dia 6 de fevereiro, quando tem início o ano letivo nas 150 escolas da rede municipal de ensino.
 
“Por meio dessas reuniões, que ocorrem desde o início do mês, estamos formatando as nossas propostas para o início do ano letivo, sem descartar absolutamente nada do que foi construído anteriormente, porém implantando nossa linha de trabalho, que tem como destaque o tratamento do aluno como um ser integral, ou seja, o ser biológico, social, emocional e espiritual, considerando a sua realidade social e o seu contexto de vida”, enfatiza Marta Cassar.
 
Para o desenvolvimento deste trabalho, que vem sendo feito no Centro de Referência em Educação, foram montadas equipes de lideranças dos setores pedagógico e administrativo da rede municipal de ensino, que estão moldando e definindo as diretrizes para o início do ano. “Estamos nos debruçando sobre o tema ‘ser integral’, que teremos em mãos com o início do ano letivo, pensando tanto o aluno do período parcial como o do integral, e respondendo a perguntas diversas, como: Quem é esse ser? Como esse aluno deve receber o tratamento pedagógico? Como deve ser a escola que estamos oferecendo?”, explica a secretária.
 
Antecedendo o início do ano letivo, a Secretaria de Educação promove no dia 3 de fevereiro um encontro dos seus profissionais no Teatro Municipal “Teotônio Vilela”, das 8 às 12 horas, reunindo diretores, vice-diretores, supervisores e orientadores pedagógicos, quando será apresentada a nova forma de capacitação dos profissionais de educação da rede municipal de ensino.
 
“Nosso objetivo é proporcionar as capacitações a 100% dos profissionais em nosso Centro de Referência em Educação, que hoje é uma excelência nesse serviço, universalizando os treinamentos e enfatizando, como nova forma de trabalho, conceitos como o respeito ao outro, em todos os aspectos, e os fatores humanitários”, destaca Marta Cassar.
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar