Sexta-Feira, 24 de Maio de 2019 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< SOROCABA Habitação supervisiona assinaturas do Carandá

Publicada em 10/01/2017 às 06:39
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

A Secretaria de Habitação e Regulamentação Fundiária está supervisionando o processo de assinaturas entre os sorteados para ocupar o Residencial Carandá e o Banco do Brasil. A fase de assinaturas começou ontem e deve prosseguir até o dia 20 na Unidade Seminário da Prefeitura, na Avenida Dr. Eugênio Salerno, 140, Centro.
 
A fase de assinaturas é de responsabilidade da empresa Sistema Pri, responsável pelo trabalho técnico social do condomínio, e o Banco do Brasil, cabendo à Prefeitura de Sorocaba, através da Sehab, apenas dar a estrutura necessária e organizar a dinâmica de todo o processo.
 
Os servidores da pasta montaram uma estrutura de triagem em que os moradores são acolhidos por uma técnica da secretaria e recebem as informações básicas para saber como proceder quando adentrarem o salão para assinarem os contratos. O atendimento aos deficientes está sendo feito de forma prioritária. Todo o processo não tem demorado mais do que 20 minutos e a expectativa é de que sejam assinados até 300 contratos por dia. Os moradores foram convocados anteriormente para que fossem atendidos sem a necessidade de filas.
 
"Por uma nova vida", é assim que o casal formado por Aline Alessandra Oliveira Miguel, 23 anos, e seu marido, Gabriel Alves Pedroso, de 24, ambos desempregados, enxergam a mudança para o Residencial Carandá. Eles, que atualmente moram com os pais de Gabriel no Quintais do Imperador, foram uma das primeiras famílias a assinar os contratos do novo imóvel logo pela manhã. Vão residir junto com a pequena Sthela, de um ano e onze meses. Nem mesmo a distância do Residencial do centro de Sorocaba desanima Aline. "Tenho parentes no Parque São Bento, e sei que teremos suporte, até todos se instalarem no Carandá vai um tempo, mas estamos indo logo pra lá e vai ser uma nova vida pra gente, no que é nosso."
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar