Sexta-Feira, 23 de Agosto de 2019

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< SOROCABA Câmara dá posse a suplente do PMDB

Publicada em 10/01/2017 às 06:39
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Rafael Militão (PMDB) irá ocupar a vaga deixada pelo vereador licenciado Marinho Marte
Segundo suplente da coligação PMDB/PPS/DEM, Rafael Militão (PMDB) tomou posse como vereador na manhã desta segunda-feira (9), no gabinete do presidente da Câmara Municipal, Rodrigo Manga (DEM). Militão irá ocupar a vaga deixada pelo vereador Mário Marte Marinho Júnior (PPS), que se licenciou do mandato para exercer o cargo de secretário de Negócios Jurídicos do governo do prefeito José Antônio Caldini Crespo (DEM). A primeira suplente da coligação, Cíntia de Almeida, que tomou posse em 3 de janeiro, também se licenciou do mandato para integrar a equipe de Crespo, como titular da Secretaria da Igualdade e Assistência Social.
 
Acompanhado de seus familiares, Rafael Militão entregou sua declaração de bens e prestou juramento na presença do presidente da Casa, recebendo cópia do Regimento Interno da Câmara. Natural de Sorocaba, onde nasceu em 18 de janeiro de 1982, Rafael Domingos Militão é professor de Educação Física e proprietário de uma academia no Parque São Bento, onde desenvolve um trabalho comunitário, dando aulas gratuitas à comunidade do bairro. Na eleição passada, candidatou-se a vereador pelo PMDB e recebeu 1.812 votos, ficando como segundo suplente da coligação PMDB/PPS/DEM.
 
Durante a cerimônia de posse, o presidente Rodrigo Manga enfatizou a importância do trabalho do Legislativo para a população sorocabana e deu boas vindas ao novo colega, ressaltando, ainda, o trabalho desenvolvido pelo vereador Marinho Marte, que se licenciou do cargo. Eleito vereador pela primeira vez há 34 anos, em 1982, Marinho Marte foi reeleito, no ano passado, para o seu nono mandato consecutivo. O decano da Casa discorreu sobre as exigências da vida pública e se disse satisfeito em passar o cargo para Rafael Militão.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar