Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< SAÚDE Unimed tem primeiro hospital do Brasil certificado pela ISO

Publicada em 04/01/2017 às 06:59
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Dr. Moron Morad, Hospital da Unimed com reconhecimento nacional
O Hospital Dr. Miguel Soeiro, pertencente à Unimed Sorocaba, é a primeira instituição brasileira da área da saúde a conquistar o certificado ISO 14001 em sua mais nova versão, a de 2015. A confirmação de que a entidade se enquadra nos requisitos se deu após auditoria realizada pela Fundação Carlos Alberto Vanzolini, da Poli/USP, no dia 2 de dezembro e já validada pelo órgão certificador. Atualmente, a cooperativa médica local congrega 1.060 médicos cooperados e 1.950 colaboradores diretos.
 
O Hospital já era certificado pela ISO 14001 desde 2014, na versão 2004. Basicamente, a norma reconhece organizações que conseguem equilibrar seu crescimento econômico com as necessidades sociais e, principalmente, com políticas ambientais consistentes e efetivas. Segundo o Inmetro, há 1.559 empresas certificadas na ISO 14001:2004 e apenas 14 na versão 2015, mas nenhuma na área hospitalar. Para conquistar o certificado, o HMS passou a adotar há alguns anos novas políticas e procedimentos, sobretudo a partir de fevereiro de 2016, para realizar o upgrade na nova versão. Iniciou os projetos para reduzir e, em muitos casos, abolir totalmente o uso de papel em seus processos assistenciais e administrativos, substituir as lâmpadas fluorescentes por modelos LED e, num próximo passo, migrar para o mercado livre de energia, entre outras ações.
 
De acordo com o presidente da Unimed Sorocaba, o cirurgião vascular José Francisco Moron Morad, o principal desafio para cumprir os requisitos da ISO 14001:2015 foi alinhar o envolvimento das partes interessadas e as gestões setoriais sob uma perspectiva mais ampla e integrada, voltadas para as questões ambientais, além da implementação de uma sistemática de análise do ciclo de vida. “Tivemos que nos empenhar bastante para que a divulgação das mudanças necessárias, com aspecto novo e voltado para a garantia da proteção ambiental, fosse bem assimilada pelos cooperados e colaboradores, assim como ampliar o foco da instituição para as questões de sustentabilidade ambiental, alinhadas ao planejamento estratégico”, explica.
 
As principais mudanças na ISO 14001:2015 foram a abordagem integrada para a gestão organizacional, centrada na sustentabilidade do negócio e na administração de riscos, garantia de proteção ambiental, maior envolvimento e interesse das partes interessadas e foco no alinhamento estratégico da organização.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar