Sábado, 29 de Abril de 2017 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< AGENDA CULTURAL 'Minha mãe é uma peça 2 faz grande estreia nesta quinta Filme de terror coreano 'Invasão Zumbi' é pré-estreia

Publicada em 22/12/2016 às 15:09
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Lançar filme na penúltima semana do ano é sempre um movimento arriscado, mas não para o ator e comediante Paulo Gustavo, que escolheu esta quinta-feira (22) para lançar o longa “Minha mãe é uma peça 2”, continuação do filme de 2013, que levou mais de 4,5 milhões de espectadores aos cinemas. A aposta no sucesso é alta e o longa será a maior estreia do cinema brasileiro, entrando na programação de cerca de mil salas em todo o País. 
 
A família está, de novo, no centro de “Minha mãe 2”. "Todo mundo tem (família). É o tipo da coisa que a gente esculhamba, mas não vive sem”, conta Paulo Gustavo, que também reflete sobre a peculiaridade de sua trajetória. "Fiquei famoso e ninguém nem sabia quem eu era, porque era a Dona Hermínia. Minha mãe ficou conhecida antes que eu", brinca. A própria Dona Hermínia real - Dona Déa – nada mais é que a mãe do ator, inspiração de um esquete da peça de teatro “220W”, que virou programa de TV e depois deu voo solo nas telonas.
 
Na história, Dona Hermínia está rica, pois passou a apresentar um bem-sucedido programa de TV. Porém a mãe superprotetora vai ter de lidar com o ninho vazio; afinal, os filhos Juliano (Rodrigo Pandolfo) e Marcelina (Mariana Xavier) resolvem criar asas e sair de casa mudando-se para São Paulo. Para balancear, Garib (Bruno Bebianno), o primogênito, chega com o neto ao mesmo tempo em que a irmã, Lúcia Helena (Patricya Travassos), a ovelha negra da família, que mora há anos em Nova York, resolve fazer uma longa visitinha à família no Brasil.
 
Para o distribuidor Bruno Wainer, da Downtown, a ideia é manter o circuito até meados de janeiro, quando entram os lançamentos do Oscar. Wainer está mais tranquilo que Paulo. "É uma grande aposta, mas partimos do princípio de que Paulo Gustavo é o que o público quer ver." Já o ator defende do sucesso nos palcos, TV e cinema à dedicação ao trabalho. "Gosto do trabalho artesanal, de fazer bem feito, elaborado, e para isso é preciso tempo. Participo de todas as etapas. Invento o tema, participo do roteiro, faço tudo", comenta. 
 
PRÉ-ESTREIA - Também chega ao cinema hoje o filme de terror coreano “Invasão Zumbi”, que tem conquistado fãs e tem sido aclamado pela crítica. Entre os elogios que o filme recebeu destaca-se a forma com que o longa asiático renova o subgênero de zumbis, explorado incansavelmente por Hollywood e em séries como “The Walking Dead”.
 
Na trama, um empresário viciado em trabalho é convencido pela filha a viajar para a cidade em que a mãe da menina mora. Eles, então, pegam um trem de alta velocidade com destino à cidade de Busan, mas um vírus que transforma as pessoas em zumbis espalha-se. O local conseguiu com sucesso defender-se da epidemia, mas uma garota afetada acaba embarcando no trem e fazendo com que todos os passageiros tenham de lutar pela sobrevivência. 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar