Quarta-Feira, 24 de Maio de 2017 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< POLÍTICA Integrantes da Justiça realizam protesto contra a corrupção

Publicada em 06/12/2016 às 09:02
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Fernando Rezende)
Procuradores da República, juízes de Direito e promotores públicos de Justiça de Sorocaba também participaram de um ato na tarde desta segunda-feira (5) em apoio às 10 Medidas de Combate à Corrupção e contra a proposta que prevê punições para integrantes do Ministério Público e da Justiça no exercício de suas funções apresentada em Brasília, na semana passada, pelo Congresso Nacional. A manifestação aconteceu em frente ao prédio da Justiça Federal, localizado no bairro do Campolim, na avenida Antônio Carlos Cômitre, onde também está situada a sede do MPF no Município.
 
O procurador da República em Sorocaba, Vinícius Marajó Dal Secche, como integrante do MPF, também participou da manifestação, que reuniu aproximadamente 40 membros da Justiça e do Ministério Público Federal e afirmou depois, ao DIÁRIO, que foi algo singelo e rápido, mas serviu para marcar a posição da Justiça e do MP em relação ao que aconteceu na semana passada. “Foi em virtude daquele projeto que foi desvirtuado das dez medidas, que era contra a corrupção e virou a favor, para punir juiz, promotor… Foi uma coisa de última hora para marcar a questão dos promotores e juízes”, asseverou. 
 
Segundo Dal Secche, o ato foi organizado pela direção do Fórum Federal e um representante de cada órgão – Justiça e Ministério Público Federal - falou durante a manifestação. “Cada um falou alguma coisa, defendeu as prerrogativas, a proteção de que o Ministério Público e os juízes precisam, das suas funções também”, disse. “Foi uma coisa bem rápida, não foi algo que a gente planejou, para não perder o momento mesmo. Acho que a hora era agora. Como tudo o que aconteceu na semana passada foi de repente, teve manifestação da população no domingo, essa foi uma forma de agradecer o apoio do povo em relação a isso, o povo que pode nos proteger”, finalizou.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar