Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< AGENDA CULTURAL Semana Inclusiva traz vivências ao Sesc Atividades incentivam a cidadania compartilhada de pessoas com e sem deficiência, criando condições para a inclusão em diversos aspectos

Publicada em 30/11/2016 às 08:09
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Entre os dias 2 e 9 de dezembro, acontece no Sesc Sorocaba a “Semana Inclusiva”, em comemoração ao Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, celebrado a 3 de dezembro. Como forma de democratizar a discussão e buscar possibilidades concretas de inclusão, o evento contará com oficinas, espetáculos, atividades esportivas, palestras e vivências, dentre outras atividades, para participação conjunta de pessoas com e sem deficiência.
 
A programação é realizada numa parceria com a Secretaria do Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência e contempla uma série de atividades que incentivam a cidadania compartilhada de pessoas com e sem deficiência, criando condições para sua inclusão em todos os aspectos – cultural, esportivo, educativo e no lazer.
 
 
Entre as atividades previstas, durante o mês de dezembro a Biblioteca do Sesc local disponibilizará, por exemplo, 19 audiolivros que reproduzem os textos dos livros vencedores do Prêmio Sesc de Literatura. Os audiolivros ampliam as possibilidades de fruição das obras literárias aos leitores e principalmente por aqueles que têm alguma deficiência visual. O acesso aos audiolivros estará liberado às terças e sextas-feiras, das 9 às 21h30, e aos sábados e domingos, das 10 às 18h30. São 100 vagas. De graça.
 
A Biblioteca do Sesc também disponibilizará os dois equipamentos de acessibilidade de leitura, voltados especificamente para pessoas com deficiência visual e que permitem a leitura de livros, revistas e jornais por pessoas com baixa visão ou ausência total dela, entre os dias 1º e 9, de terça à sexta-feira, das 9 às 21h30, e aos sábados e domingos, das 10 às 18h30. 20 vagas.
 
ARTES VISUAIS – Haverá também, por outro lado, Visita Mediada com Língua Brasileira dos Sinais (Libras), com a arte-educadora Roberta Santos, à exposição “Contando Ovelhas Elétricas”, nos dias 3, sábado, às 14 e 16 horas, e 4, domingo, às 11, 14 e 16. A exposição conta com dez obras dos artistas Gisela Motta e Leandro Lima, que propõem reflexões naquilo que chamamos de natural, assim como intrigantes analogias de vida nos materiais e sistemas fabricados pelo homem. São 120 vagas, de graça. Os ingressos devem ser retirados com uma hora de antecedência, na Central de Atendimento da Unidade, à rua Barão de Piratininga, 555 – Jardim Faculdade.
 
Haverá ainda Narração de Histórias, com a narradora Vivian Catenacci, todos os sábados de dezembro, às 16 horas, na Área de Convivência, com tradução em Libras. No dia 3, será a vez dos “Contos e encantos vindos de Portugal”; no dia 10, “Danças pelos castelos dos contos maravilhosos”; e dia 17, “Do tempo em que os bichos falavam”.
 
ACÕES PARA CIDADANIA – Já o programa “Ações para a cidadania” realizará no dia 14, quarta-feira, às 19 horas, na Convivência, o bate-papo “Aids entre nós”, com o médico Marcos Borges, autor da página Doutor Maravilha. A atividade contará com tradução em Libras também e, na conversa, o “Doutor Maravilha” mostrará dados sobre a Aids no Brasil, conversará sobre as recentes notícias sobre a possível cura e o aumento de casos em jovens, além de responder às dúvidas do público nesta atividade especial do Dia Mundial da Luta contra a Aids (1º de dezembro) também.
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar