Terça-Feira, 20 de Agosto de 2019

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< ESPORTE Aos 101 anos, Toniquinho prepara-se para o dia 17

Publicada em 03/07/2016 às 08:02
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Fernando Rezende)

Esbanjando disposição, força de vontade e com um largo sorriso no rosto, o ex-atleta Antônio Fonseca, de 101 anos de idade, aguarda com ansiedade a passagem da Tocha Olímpica por Sorocaba, evento do qual fará parte no dia 17 de julho. Um dos 63 condutores selecionados para carregar o símbolo máximo do esporte, Toniquinho, como é popularmente conhecido, já treina na pista de caminhada que leva seu nome, dentro do hipermercado Carrefour Sônia Maria, na zona norte da cidade.

 
Ao percorrer o trajeto com passadas firmes, durante o exercício que pratica duas vezes por semana, Toniquinho acredita que será a pessoa mais velha a levar o artefato no País. “Vou carregar a tocha com muito carinho e pensamento positivo sempre. Tudo isso que está acontecendo é por bênção divina e espero que Deus me dê forças para poder representar, na ocasião, minha querida Sorocaba”, diz.
 
O único brasileiro bicampeão da marcha atlética na categoria 70 a 75 anos explica que não faz mais tanta força por conta da idade, mas segue caminhando. Porém, lembrando-se do passado, sabe como teve início a sua paixão pelo esporte. “Tudo que sou, devo ao meu pai; ele que me ensinou a correr. Mas só fui competir, de fato, depois dos 60 anos”, conta Toniquinho, destacando que correu três corridas da São Silvestre, uma delas aos 90 anos de idade.
 
Para a sua filha, Regina Fonseca, a presença do pai no revezamento da Tocha Olímpica coroa a dedicação do ex-atleta em competições. “A nossa família vê essa oportunidade como uma despedida digna pela contribuição que ele deu ao esporte em Sorocaba”, comenta.
 
Dentre as conquistas no atletismo, Toniquinho é recordista sul-americano de 800 metros, na categoria 65 anos, e detentor de mais de 500 troféus e medalhas em provas nacionais e internacionais. Ex-comerciante, competiu em diversas partes do mundo, como Estados Unidos, Canadá, Japão, Peru, Chile, Uruguai, Colômbia, Bolívia, Austrália e Finlândia, sempre trazendo premiações e recordes para o Brasil.
 
Em 2012, participou de sua última competição internacional, realizada no Brasil, na qual foi medalha de ouro no Campeonato Mundial de Atletismo Veterano, disputando provas de marcha atlética. Em 2014, ainda integrou a delegação sorocabana nos Jogos Regionais do Idoso (Jori), sendo homenageado pela primeira-dama do Estado de São Paulo, Lu Alckmin.
 
Finalizando a caminhada, Toniquinho destacou a felicidade de poder representar Sorocaba em um evento esportivo pela última vez. “É uma alegria encerrar a carreira com chave de ouro; me fogem as palavras. Minha vida é um milagre”, analisa convicto.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar