Quarta-Feira, 26 de Junho de 2019

Diário de Sorocaba

buscar

<< BRASIL Supremo começa a julgar segunda ação penal contra Cunha

Publicada em 22/06/2016 às 16:21
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

O Supremo Tribunal Federal (STF) começou a julgar a denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), por supostas contas atribuídas a ele na Suíça. Onze ministros devem votar para decidir se abrem a segunda ação penal contra o parlamentar nas investigações da Operação Lava-Jato.
 
A denúncia foi apresentada em março pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Em outubro do ano passado, o Ministério Público da Suíça enviou ao Brasil documentos que mostram a origem de aproximadamente R$ 9 milhões encontrados nas contas atribuídas a Cunha.
 
De acordo com os investigadores da Lava-Jato, os valores podem ser fruto do recebimento de propina em um contrato da Petrobras na compra de um campo de petróleo no Benin, na África, avaliado em mais de US$ 34 milhões.
 
Ontem (21), Eduardo Cunha voltou a afirmar que está “absolutamente convicto” de que não mentiu à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras quando afirmou que não tem contas no exterior.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar