Sexta-Feira, 5 de Junho de 2020

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< Saúde Bucal capacita estagiárias para o Programa Escola em Tempo Integral

Publicada em 27/02/2016 às 06:41
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Secom)
A Secretaria da Educação, por meio do Programa Escola Saudável, desenvolvido em parceria com a Secretaria da Saúde, promoveu na manhã desta sexta-feira (26) a capacitação em Saúde Bucal de 264 estagiárias. A iniciativa é parte da ação de formação desse grupo para atuar na Escola em Tempo Integral – Oficina do Saber, cuja aulas serão retomadas na segunda-feira (29), voltadas a alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental da rede municipal.
 
O gestor de Desenvolvimento Educacional do Programa Escola Saudável, Luís Gustavo Maganhato, destaca a importância da presença da equipe odontológica responsável pelas atividades de educação, prevenção e tratamento dentário realizado nas escolas. “A prevenção é de extrema importância para que os alunos desenvolvam o hábito de higiene pessoal”, frisa.
 
Para a dentista do Serviço de Triagem em Educação e Prevenção Odontológica, Ângela Soares, a pasta é grande parceria nesse programa. Considera que fazer com que as estagiárias passem essas informações é muito importante. “Fizemos um treinamento de orientação, escovação e hábitos saudáveis.” Ângela explica que as estagiárias vão conviver no dia a dia com essas crianças do Programa Escola em Tempo Integral. “Essas futuras professoras estarão aptas a orientar as crianças, que também serão multiplicadoras dessas informações e levarão o aprendizado para a casa”, complementa.
 
Aluna do segundo semestre do curso de Pedagogia, Aline Magalhães, 20 anos, está bastante ansiosa para o início das atividades na Oficina do Saber. “Tivemos uma semana de formação e isso é muito bom para o nosso currículo e nos deixa mais preparadas para trabalhar com as crianças.” A estudante destacou que as informações sobre Saúde Bucal serão determinantes. “Aprendi muito com as dentistas e com isso terei condições de auxiliar os alunos, principalmente, em relação à escovação dos dentes.”
 
TUDO PREPARADO - As unidades da Oficina do Saber estão preparadas para receber os alunos do Programa Escola em Tempo Integral, que neste ano deverá atender a cerca de 6 mil alunos do 1º ao 5º anos do Ensino Fundamental da rede, das 9h30 às 12h30 e das 12 às 15 horas. As salas estão prontas e durante a semana as unidades receberam as equipes de capinação e roçagem da Secretaria de Serviços Públicos. 
 
A merendeira Eudina de Souza Martinez trabalha há três anos na Oficina do Saber “Innocente Berci”, que atende aos alunos da EM “Profº Luiz Almeida Marins”, no Conjunto Habitacional Júlio de Mesquita Filho. Ela conta que a despensa está toda abastecida para o café da manhã dos alunos, com pão e manteiga, leite, bolacha e fruta; assim como para o lanche da tarde, cujo cardápio abrange salsicha, carne, cereais, frutas e suco.
 
CINCO UNIDADES - Porém o secretário da Educação, Flaviano Agostinho de Lima, informa que no decorrer desta semana, após a oferta de aulas (carga suplementar) para todos os professores PEB-I da Prefeitura, 25% da demanda não foi preenchida. Com isso, nas unidades do Saber dos bairros Santa Bárbara, Herbert de Souza, Conjunto Habitacional Ana Paula Eleutério, Jardim Ipiranga e Jardim Botucatu, as atividades do Programa Escola em Tempo Integral não terão início na segunda-feira.
 
Diante disso, o secretário informa que está providenciando a contratação em função da atividade, na lista do concurso público vigente. Tal situação deverá levar de quatro a seis semanas. “Estamos fazendo todos os esforços para antecipar essas contratações”, disse.
 
A Escola em Tempo Integral – Oficina do Saber é destinada aos alunos matriculados no ensino regular, que permanecem na escola para as atividades complementares e suplementares, nos turnos da manhã e da tarde.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar