Terça-Feira, 18 de Junho de 2019

Diário de Sorocaba

buscar

<< Para Levy, Brasil tem de fazer 'dever de casa' para voltar a crescer

Publicada em 24/11/2015 às 01:11
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, afirmou ontem (23) que o Brasil tem todas as condições para crescer, mas que precisa fazer o "dever de casa". Ele reafirmou a importância das avaliações de agências de classificação de risco, como a da Standard & Poor's, que considerou ter uma visão crítica e imparcial, que propicia um bom momento para reflexão. 
 
"A gente tem que fazer o dever de casa. O Brasil tem tudo para dar certo, para crescer, mas tem que fazer alguma coisa para isso. Com todo país é assim, com o Brasil não seria diferente", afirmou Levy durante o seminário Reavaliação do Risco Brasil, promovido pelo Centro de Economia Mundial da Fundação Getúlio Vargas (FGV).
 
AJUSTE FISCAL - Levy avalia que o ajuste fiscal está quase concluído do ponto de vista intelectual, mas as medidas precisam enfrentar a questão política, de votação no Congresso. Ele defendeu que é preciso vencer a "rivalidade" existente no campo político para implementar mudanças necessárias à retomada da economia. "Não adianta mudar imposto sem olhar para o lado do gasto. Temos uma série de gastos que temos de avaliar", afirmou o ministro. Levy reconheceu, porém, que a "rivalidade" no campo político tem retardado mudanças nesse sentido.
 
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar