Quinta-Feira, 22 de Agosto de 2019

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< Show de blues inspirado por música africana é atração de hoje Apresentação esta noite no Sesc é pioneira no Brasil e traz canções tradicionais em ritmo moderno

Publicada em 06/06/2015 às 02:06
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Foto: Divulgação
O show "Blues for África", com Adriano Grineberg, é uma das boas opções da noite deste sábado (6) em Sorocaba. A apresentação está agendada para as 20 horas, na unidade local do Sesc, à rua Barão de Piratininga, 555, esquina com a avenida Washington Luiz, no Jardim Faculdade. O músico subirá ao palco para apresentar trabalho pioneiro no Brasil com elementos do blues do Mississippi, estado do sul dos Estados Unidos, passando pela influência da música africana no Brasil e na América Latina. 
 
Grineberg é pianista, cantor e compositor. "Blues for África" é fruto de seu segundo disco, com o mesmo nome do espetáculo, lançado em 2013. Além do repertório de "Blues For Africa", músicas do primeiro trabalho ("Key Blues", de 2010) e clássicos do blues completam o roteiro. Ao lado de Adriano, estão os músicos Sandro Grineberg (bateria), Edu Gomes (voz e guitarra) e Rodrigo Jofré (baixo).
 
Com 25 anos de carreira, Grineberg já se apresentou ao lado de nomes consagrados do blues, como Magic Slim, Deacon Jones, B.B. King e Kenny Brown, e também da Música Popular Brasileira e do rock, como Ira!, Ana Cañas, Paralamas do Sucesso e Gilberto Gil. 
 
`BLUES FOR ÁFRICA' - Em 2013, Adriano Grineberg resolveu enfrentar o maior desafio de sua carreira: gravar um projeto que unificasse todas as suas influências de sua rica bagagem de formação e experiência de mais de 20 anos como músico. Neste trabalho, o pianista resgata na ancestralidade da música da África e suas extensões um novo ponto de partida para sua carreira, liberta de rótulos, na qual sentimento e formas pudessem se fundir em um único oceano. 
 
O álbum "Blues for África" toma forma como síntese de duas décadas de pesquisas, abrangendo todas as formas de expressão e sentimentos da África. Do gospel zulu à arte sufi do povo Tuaregue no Saara, da alegria da Zâmbia à introspecção dos cantos ioruba e igbo na Nigéria, do blues do delta do Mississipi à infinidade de ritmos de New Orleans, do reggae jamaicano aos ritmos tribais da África Central. 
 
O trabalho não se propõe, contudo, somente a uma fusão de ritmos, mas justamente um reencontro, a busca do elo perdido de linguagens que se desenvolveram em outros locais do planeta e que retornam à sua fonte, o continente africano, origem da vida humana e de tantas formas de expressão no mundo. O show foi resenhado pela revista "Blues'n Jazz", que definiu o concerto como"um show moderno, vibrante e pulsante".
 
Adriano Grineberg é pianista, compositor, arranjador e cantor. Paulistano, iniciou seus estudos aos 5 anos de idade em piano clássico. Estudou na Escola Municipal de Música da Capital. Tem o contrabaixo acústico como seu segundo instrumento e, por meio dele, ingressou na Orquestra Jovem do Estado de São Paulo (Ojesp), tocando por três anos e participando de muitos festivais de música, como o de Campos de Jordão. Em sua formação erudita, além das influências de grandes nomes como Beethoven, Mozart e Bach, recebe a de grandes compositores que misturavam a linguagem tradicional dessas escolas com elementos da música folclórica de outros países, como Brahms, Mussorgsky, Dovrak, Villa Lobos, além do impressionista Debussy, Satié e Ravel. 
 
Desde cedo, Adriano Grineberg mostrou preferência pelo blues, jazz e rock progressivo dos anos 70. Músico de formação eclética, sempre pesquisou as vertentes da música popular e, mais tarde, expandiria seus horizontes para a pesquisa do ritmo folclórico e étnico de muitas localidades do Planeta, como os continentes da Ásia e da África, os quais influenciaram fortemente sua musicalidade e os atuais trabalhos do artista.
 
SERVIÇO - Os ingressos para o espetáculo desta noite no Sesc Sorocaba, "Blues for África", custam R$ 17,00 (inteira), R$ 8,50 (usuário com cartão válido inscrito no Sesc e dependentes, aposentados, pessoas com mais de 60 anos, servidor da rede pública de ensino e estudantes com comprovante) e R$ 5,00 (trabalhador no comércio de bens, serviços e turismo credenciados no Sesc e dependentes - Credencial Plena).
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar