Terça-Feira, 17 de Setembro de 2019

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< Paço finaliza obras estruturais em trecho da Marginal Direita

Publicada em 21/05/2015 às 03:05
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

As obras viárias desenvolvidas à margem direita do rio Sorocaba, que buscam criar uma alternativa para desafogar o tráfego entre as regiões da avenida Dom Aguirre e o Alto da Boa Vista, avançam em uma importante etapa nesta semana. A Secretaria de Mobilidade, Desenvolvimento Urbano e Obras da Prefeitura está finalizando a base estrutural no trecho ao lado da Ponte do Pinga-Pinga, última etapa antes da pavimentação. Os serviços executados no local visam criar um novo sistema binário interligando a avenida 15 de Agosto à alameda Batatais e à avenida Professor Joaquim Silva. 
 
Pelas características do solo e proximidade com o rio Sorocaba, o sistema de drenagem no trecho recebe um reforço, além das galerias subterrâneas de águas pluviais. Denominada `fundação de rachão', esta base é formada por camadas de pedras de diferentes tamanhos, sendo que última camada recebe uma porção de cal com função estruturante. Depositadas em ordem decrescente, essas camadas são  compactadas por rolo compressor, garantindo mais estabilidade ao terreno.
 
Finalizado o atual estágio, o trecho ao lado da Ponte do Pinga-Pinga estará pronto para a aplicação de uma camada mais fina de massa asfáltica que prepara a base do solo para o pavimento definitivo. Paralelamente, a Semob continua a implantação de galerias de águas pluviais e de emissários de esgoto nas proximidades do Centro de Referência em Educação "Dom José Lambert", numa ação conjunta com o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae).
 
O novo sistema viário deve duplicar a capacidade de fluxo de veículos pelo local, absorvendo o tráfego de veículos originário não somente da Dom Aguirre, mas também das regiões da Vila Progresso e Jardim Iguatemi. Com cerca de 600 metros de extensão e com ciclovia, a nova pista começa na avenida 15 de Agosto, passa pelas pontes `Fernando de Luca Neto' e Pinga-Pinga, seguindo por baixo da ponte da Rodovia Senador José Ermírio de Moraes (Castelinho), até chegar à confluência com a alameda Batatais e avenida Prof. Joaquim Silva, na altura do Centro de Referência em Educação.
 
As mudanças no sistema viário nesse trecho vão contar com implantação de aproximadamente 7.800 metros quadrados de asfalto novo, 37 mil metros quadrados de recapeamento (pista antiga da avenida e ruas no entrono), ciclovia, paisagismo e sistema de iluminação. As obras devem durar cerca de 180 dias e somam um investimento de aproximadamente R$ 3 milhões.
 
A obra faz parte do Programa Mobilidade Total, um conjunto de obras estruturantes que passa pela abertura de novos complexos viários, implantação de ruas e avenidas e construção de pontes e viadutos, além da pavimentação e recapeamento em várias regiões da cidade.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar