Quinta-Feira, 14 de Novembro de 2019

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< Operação Tiradentes reforça a segurança nas estradas Ação teve início nesta sexta-feira (17) e segue até a próxima terça-feira (21)

Publicada em 18/04/2015 às 03:04
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

A operação tem como objetivo fiscalizar as rodovias e evitar acidentes (Foto: Divulgação)
A Polícia Militar Rodoviária iniciou nesta sexta-feira (17) um esquema especial para reforçar a segurança nos mais de 22 mil quilômetros de rodovias estaduais durante a Operação Tiradentes 2015. Na ação, estão sendo empregadas 450 viaturas dos cinco batalhões de Polícia Militar Rodoviária, policiais do Grupamento de Radiopatrulha Aérea (GPRAe) e de unidades regionais. 
 
A fiscalização da velocidade dos carros nas rodovias será feita por meio de 93 radares inteligentes fixos, instalados em 42 pontos do Estado. Também foram instalados 61 radares móveis inteligentes em viaturas para dar mais mobilidade à fiscalização nas estradas. A Polícia Rodoviária conta com 323 bafômetros para a testes de embriaguez da Operação Direção Segura, que também serão usados em ocorrências de acidentes. 
 
A ação, que vai até a meia-noite de terça-feira (21), tem como objetivo evitar acidentes e garantir a fluidez do trânsito. A operação conta, também, com a participação da Secretaria de Logística e Transportes, da Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), empresa Desenvolvimento Rodoviário S/A (Dersa) e das concessionárias de rodovias. 
 
EQUIPAMENTOS - Os radares móveis inteligentes permitem dar mais mobilidade ao trânsito e melhorar a fiscalização. Esses equipamentos são chamados de OCR Embarcados e leem automaticamente as placas dos veículos. Depois, as informações são repassadas aos policiais quase instantaneamente. Com isso, é possível selecionar, de forma mais eficiente, os carros que serão abordados. 
 
O radar facilita o encontro de veículos roubados e, consequentemente, a prisão de criminosos: o sistema integrado registra as placas de carros com irregularidades, permitindo que todos os radares da malha viária paulista possam encontrá-los. Para que isso aconteça, a polícia destaca a importância da comunicação de ocorrências pelo telefone 190. 
 
ÁLCOOL E TRÂNSITO - A PM alerta que o motorista que for flagrado dirigindo embriagado será multado em R$ 1.915,40 e poderá ter o veículo apreendido e a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) retida por 12 meses. O condutor poderá, ainda, responder criminalmente a uma pena de seis meses a três anos de prisão.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar