Quinta-Feira, 27 de Junho de 2019

Diário de Sorocaba

buscar

<< Calouros de Medicina promovem trote solidário na Creche Maria Claro

Publicada em 08/02/2013 às 21:57
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Calouros dos cursos de Medicina, Enfermagem e Biologia da PUC (Pontifícia Universidade Católica) de Sorocaba promoveram um gesto de solidariedade na manhã de ontem, na Creche Especial Maria Claro, que atende a 134 crianças (de 1 a 16 anos) com deficiências múltiplas. Cerca de 40 jovens, entre calouros e veteranos, ajudaram na manutenção do local, pintando os muros da fachada, auxiliando no cultivo da horta e interagindo com os pequenos. Por volta das 9 horas, os estudantes prestigiaram a apresentação da banda da Creche Maria Claro. 

Este foi o segundo dia de visita às crianças. No último dia 31, quinta-feira, os alunos passaram o dia na creche promovendo brincadeiras e jogos educativos, além de levar brinquedos em bom estado aos pequenos. O gesto solidário faz parte da nova proposta de trote da PUC, que incentiva os novos universitários a deixar de lado os cortes de cabelo e tinta e abraçar trabalhos voluntários. Além da visita à creche, na manhã de ontem, os jovens doaram sangue e participaram de um café da manhã na Paróquia São Lucas, com os pacientes do Conjunto Hospitalar de Sorocaba (CHS), levando sucos e guloseimas. “Nossa proposta é ir além dos antigos trotes universitários; a ideia é fazer algo diferente, bem pensado, e, com isso, ajudar a quem precisa”, opina a professora Dirce Setsuko Tacahashi, vice-coordenadora do curso de Enfermagem da PUC. 

Para a caloura Júlia Adde, 18 anos, gestos solidários como este fazem bem tanto às crianças quanto aos próprios estudantes. “É gostoso, amolece o coração da gente, nos sentimos mais felizes”, diz a jovem, aprovada no curso de Medicina. Sua xará, a estudante Júlia Brum, também de 18 anos, partilha da mesma opinião. “Faz um bem muito grande para a gente, é muito gratificante.”

 

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar