Area Administrativa
Quarta-Feira, 26 de Junho de 2019

Diário de Sorocaba

teste

buscar

<< Guarani empata com Vitória e segue no Z-4

Publicada em 14/11/2010 às 19:20
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

O Guarani finalmente encerrou com o jejum de gols que já durava seis jogos. Porém, isto não foi suficiente para o time campineiro voltar a vencer no Campeonato Brasileiro. Em duelo disputado neste domingo no estádio Brinco de Ouro da Princesa, pela 35ª rodada, a equipe de Vagner Mancini saiu atrás, mas com um gol olímpico arrancou o empate por 1 a 1 diante do Vitória.

Com o resultado, o Guarani segue na zona de rebaixamento, na 18ª colocação, com 37 pontos. Já o Vitória segue fora do Z-4, mas continua bastante ameaçado, com 39 pontos, em 16º lugar. O empate e a rodada acabaram sendo péssimos para ambas as equipes, já que Avaí e Atlético-GO – seus concorrentes diretos - conseguiram conquistar os três pontos.

O duelo no Brinco de Ouro iniciou com as duas equipes jogando com muita cautela, já que um revés poderia complicar a situação de ambos. Porém, a partir do momento que o Guarani criou sua primeira chance, passou a pressionar – e muito – a equipe visitante. O início do ‘massacre’ começou com Apodi, que invadiu a área com liberdade e bateu da pequena área, mas Viáfara fez boa defesa, aos 15min.

O mesmo Apodi novamente chegou com perigo quatro minutos depois. O lateral avançou com liberdade pela direita e cruzou para o meio da área; Douglas, por muito pouco, não conseguiu alcançar a bola. Praticamente no lance seguinte, Douglas teve a chance da finalização após bola mal afastada pela defesa do Vitória, mas pegou errado e mandou por cima da meta do goleiro colombiano.

A pressão do Guarani diminuiu, e o duelo voltou a ficar morno até o final do primeiro tempo, a não ser por um lance que causou polêmica, em pênalti em cima de Apodi cobrado pelos donos da casa. Na volta do intervalo, o técnico Vagner Mancini comentou o lance e inclusive foi conversar com o árbitro Evandro Rogério Roman.  “Foi pênalti. A TV mostrou na hora que eu desci para o vestiário”, disse.

Mazola teve a chance de abrir o placar logo aos 2min, mas Viáfara, bem posicionado, conseguiu encaixar a bola após chute de dentro da área do atacante. Pouco depois, Bida desviou a bola de cabeça contra o seu próprio gol e quase balançou as redes. O Vitória precisou de quase 20min para criar uma boa oportunidade na etapa final. Rafael Cruz encontrou espaço para finalizar e manda perto do ângulo esquerdo.

Os gols começaram a sair apenas no final do segundo tempo. Aos 33min, Junior recebeu a bola com muita liberdade pela esquerda e cruzou rasteiro para Adaílton, que tocou com classe por cima do goleiro, abrindo o placar. O Guarani reagiu imediatamente e empatou a partida através de um gol olímpico de Geovane, após falha feia do goleiro Viáfara, aos 35min.

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar