Sábado, 28 de Março de 2020

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< População já pagou mais de R$ 1,4 bi em impostos na Cidade Caminhão do Impostômetro deve atingir a marca de R$ 1 trilhão em tributos na próxima terça-feira (27)

Publicada em 24/08/2013 às 00:21
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Pelo terceiro ano consecutivo, a população de Sorocaba pôde acompanhar a soma que paga de impostos federais, estaduais e municipais em tempo real. Através do painel instalado no Caminhão do Impostômetro viram as cifras aumentando, chegando a mais de R$ 1,4 bilhão em tributos pagos pelos munícipes. Na próxima terça-feira (27), o registro deve atingir R$ 1 trilhão somente neste ano, em todo o Brasil. 

O veículo percorreu as principais vias da cidade a partir das 9 horas de ontem, e ficou estacionado na praça Coronel Fernando Prestes, no Centro, das 11 às 14 horas, retornando às vias após esse tempo. Esta iniciativa da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp) ainda possibilitou aos consumidores conhecer o quanto pagam de tributos em 20 mercadorias, entre alimentos e eletrodomésticos. Eles puderam entrar no veículo, que estava equipado com telas de LCD sensíveis ao toque. 

VALOR – Conforme estimativa, a marca de R$ 1 trilhão deve ser atingida 15 dias antes que em 2012. Tudo é acompanhado pelo Movimento das Associações Comerciais (ACs), que, com o caminhão itinerante, visa conscientizar os consumidores a prestar atenção nos tributos embutidos nos serviços e produtos que utilizam. O presidente da Associação Comercial de Sorocaba (Acso), Nilton da Silva César, ressalta que a média de tributos nos itens gira em torno de 35%. “Se fossem revertidos para oferecer serviços públicos de qualidade, como saúde e educação, estaria bom.” 

Em junho, a Lei de Olho no Imposto 12.741/2012 entrou em vigor e determina que as notas fiscais contenham o valor dos tributos que o cliente pagou no total da compra. Para o funcionário público aposentado, Azarias Furquim de Arruda, é de extrema importância saber esse valor. “Se vamos ao supermercado e a compra fica entre R$ 100, quase metade é de impostos, um absurdo! Cada pessoa tem que estar atenta ao tributo embutido nos produtos.” Ele foi um dos populares que entrou no caminhão e conheceu os valores sobre alguns itens. 

CAMPANHA - O Caminhão do Impostômetro já passou por Mogi das Cruzes, São José dos Campos, Campinas, São Carlos e no próximo dia 26 estaciona em Santos, e na capital, no dia 27. Mas o consumidor pode acompanhar os valores pelo site www.impostometro.com.br, que também é atualizado em tempo real. Lá é possível encontrar serviços públicos que poderiam ser adquiridos com esse valor. 

Até a tarde de ontem, cada habitante correspondia a cerca de R$ 5.053,84 do total de aproximadamente R$ 987.868.900.160,66 bilhões arrecadados no País; o que, de acordo com a iniciativa, seria suficiente para contratar 61.358.573 policiais por ano; mais 74.053.523 professores de Ensino Fundamental; construir mais de 10.737.771 quilômetros de redes de esgoto; arcar com mais de 1.588.225.384 salários mínimos; comprar mais de 12.271.770 ambulâncias equipadas; pagar por 65.964 meses a conta de luz dos brasileiros; construir mais de 28.225.162 casas populares com 40 metros quadrados cada; pavimentar mais de 859.057 quilômetros de estradas; construir mais de 20.581.592 postos policiais equipados; mais de 3.430.275 postos de saúde; e 71.588.414 salas de aula. Mais informações sobre o movimento das ACs podem ser obtidas no site www.movimentoac.com.br. 


 

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar