Sábado, 7 de Dezembro de 2019

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< Prefeitura inicia teste com lâmpadas a LED na Dom Aguirre

Publicada em 07/05/2013 às 21:35
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

As novas luminárias devem garantir maior vida útil e menos gastos com manutenção (Foto: Mário Chaves/Secom)
Desde segunda-feira (6), está funcionando na avenida Dom Aguirre, entre os prédios da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) e o do Hotel Chamonix, a iluminação pública a LED. São 12 postes com quatro conjuntos de luminárias cada. A mudança do sistema de iluminação neste trecho faz parte de um teste, por um período de 30 dias, com o objetivo de realizar a medição de fotometria (desempenho ou quantidade de luz gerada pelo conjunto) visando substituir as lâmpadas de vapor de sódio, usadas atualmente. A diferença na iluminação é perceptível pela coloração amarelada da luz existente e a branca daquela com a utilização do sistema LED.

Para a realização do teste, cinco fornecedores cederam as lâmpadas, que foram distribuídas ao longo do trecho da seguinte forma: oito luminárias com 190 watts, 12 luminárias com 200 watts, outras 12 com 150 watts, 12 com 130 watts e 12 com 100 watts. A atual iluminação na avenida é feita com lâmpadas de 250 watts cada.

Dessa maneira, será agendado um dia para que os técnicos da Prefeitura possam fazer a medição fotométrica do trecho, conforme NBR 5101. Testes laboratoriais também estão previstos.

O objetivo é constatar que a troca das lâmpadas pode reduzir o consumo, melhorar a uniformidade da luz com uma melhor reprodução de cores, reduzir o impacto ambiental, garantir maior vida útil e menos gastos com manutenção.

A estimativa de custo para a troca das lâmpadas de toda a cidade é de R$ 70 milhões e deverá ser feita por meio de uma PPP (Parceria Público-Privada), mas, para que isso ocorra, testes como este e também laboratoriais devem ser feitos e uma licitação, ainda sem data prevista, deve ser aberta. "Algumas cidades já se utilizam da tecnologia, como, por exemplo, a avenida Paulista na Capital. Em Sorocaba, estamos no início de um trabalho, dentro de um projeto, que pode começar em alguns locais como praças e parques", disse o engenheiro eletricista da Secretaria de Parcerias, pasta responsável pelos serviços públicos, Jamilton Aily.


 

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar